Mostrando postagens com marcador tomates pelados enlatados. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador tomates pelados enlatados. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, junho 04, 2014

Canelone de carne e cogumelo e coisas que vale a pena experimentar

English version

Beef and mushroom cannelloni / Canelone de carne e cogumelo

Quando vejo esta receita penso naquele ditado “se a vida te der limões, faça uma limonada”, só que um pouquinho diferente: se o seu marido prova cogumelos pela primeira vez e gosta, adicione-os às refeições sempre que puder. :D

Depois do sucesso que tive com o bolonhesa vegetariano, mal podia esperar para cozinhar com cogumelos novamente, e a inspiração veio logo das primeiras páginas deste ótimo livro – sim, eu sou aquela pessoa doida por carne moída que compra um livro inteiro sobre o assunto. :)
Quando terminei de preparar o recheio, o cheiro e o sabor eram tão bons que me deu vontade de mergulhar um pão nele e comê-lo feito buraco-quente, e também daria para misturar um espaguete ali para uma refeição rápida (algumas ideias para quem não estiver a fim de enrolar canelones).

Por anos meu marido não entendeu o meu amor por seriados de TV e é claro que ele não conseguiria entender já que nunca dera uma chance às séries. Isso mudou quando ele começou a ver “The Blacklist” comigo: ele viciou nas aventuras de Raymond Reddington tanto quanto eu, e gostou tanto que agora nós também assistimos a “Resurrection” juntos.

Acho que na vida é melhor experimentar antes de descartar, seja comida ou seriado de TV – e a receita que lhes trago hoje vale a pena mesmo provar.

Canelone de carne e cogumelo
um tiquinho adaptado do ótimo Mincespiration!

molho de tomate feito com 1 ½ latas de tomate pelado picado (400g cada lata) – guarde a ½ lata restante para usar no recheio

azeite de oliva
200g de cogumelos de Paris, limpos e picados
sal e pimenta do reino moída na hora
300g de carne moída
1 cebola bem picadinha
3 dentes de alho, amassados e bem picadinhos
1/3 xícara (80ml) de vinho branco
½ lata de tomates pelados picados
1 punhado de orégano fresco
500g de massa fresca para lasanha
cerca de 50g de parmesão ralado fininho

Pré-aqueça o forno a 200°C.
Aqueça 1 colher (chá) de azeite em uma frigideira antiaderente grande e refogue os cogumelos até dourarem. Tempere com sal e pimenta, retire do fogo e reserve. Usando a mesma panela, junte um pouquinho de azeite e refogue a carne por 4-5 minutos ou até que doure. Junte a cebola e o alho e continue refogando por mais 2-3 minutos. Tempere com sal e pimenta. Regue com o vinho e cozinhe até o líquido reduzir pela metade. Adicione os tomates pelados picados e o orégano e cozinhe por 5 minutos, mexendo ocasionalmente. Retorne os cogumelos à panela, misture, prove e corrija o tempero se necessário, e então cozinhe por 1 minuto ou até que quase todo o líquido seja absorvido. Retire do fogo e deixe esfriar um pouquinho.

Espalhe metade do molho de tomate em uma forma ou pirex de 20x30cm.
Coloque uma folha de lasanha sobre a tábua, coloque uma colherada de recheio, cubra com um pouquinho de parmesão e então enrole, formando um canelone. Repita com o restante de massa e recheio. Arrume os canelones sobre o molho de tomate, cubra com o molho restante e salpique com o que sobrou de parmesão. Leve ao forno por cerca de 30 minutos ou até que o molho borbulhe e a massa esteja macia.

Rend.: 5-6 porções

sexta-feira, maio 10, 2013

Conchinhas recheadas com ricota e espinafre - uma idéia boa para o almoço do Dia das Mães

English version

Ricotta and spinach stuffed shells / Conchinhas recheadas com ricota e espinafre

Nigella promoveu seu livro em vários programas de TV aqui no Brasil e em um deles ela preparou seus muffins de banana e chocolate: ela disse que seriam uma boa idéia para o café-da-manhã do Dia das Mães. Ao ouvir tal comentário me lembrei desta receita que fiz há algum tempo, a primeira que experimentei do maravilhoso livro vegetariano da Martha: acho esse macarrãozinho perfeito para um dia de comemorações, já que pode ser preparado com antecedência e mantido bem coberto na geladeira; é só deixar chegar à temperatura ambiente e levar ao forno, facílimo.

Infelizmente minha mãe se foi há muitos anos mas se ela ainda estivesse por aqui eu provavelmente faria os muffins e o macarrão para ela – mimar pessoas com comida é um dos meus esportes preferidos. ;)

Conchinhas recheadas com ricota e espinafre
adaptado do lindíssimo Meatless: More Than 200 of the Very Best Vegetarian Recipes

- xícara medidora de 240ml

Molho de tomate:
1 colher (sopa) de azeite de oliva
½ cebola grande bem picadinha
1 dente de alho grande, amassado e picadinho
1 lata de tomates pelados (400g)
¼ colher (chá) de açúcar
sal e pimenta do reino moída na hora
1 punhado de manjericão fresco
1 punhado de orégano fresco

Macarrão e recheio:
16 unidades de macarrão concha (6cm)*
1 colher (sopa) de azeite de oliva
1 dente de alho, amassado e picadinho
100g de espinafre congelado – não descongele antes de usar
sal e pimenta do reino moída na hora
1 pitada de noz-moscada ralada na hora
1 ¼ xícaras de ricota – usei caseira
¼ xícara de queijo parmesão ralado bem fininho – rale, depois meça
1 punhado de folhas de salsinha bem picadinhas

Prepare o molho: em uma panela média, aqueça o azeite em fogo médio-alto. Junte as cebolas e refogue até que estejam transparente. Junte o alho e refogue por mais 1-2 minutos e então acrescente os tomates e o açúcar. Encha 1/3 da lata com água, gire para remover todos os restinhos de tomate e junte à panela. Tempere com sal e pimenta, parta os tomates com uma colher de pau e cozinhe, mexendo ocasionalmente, por cerca de 20 minutos ou até que o molho fique mais espesso. Junte o manjericão e o orégano, misture, tampe e retire do fogo.
Cozinhe o macarrão em água fervente com sal até que fique al dente. Escorra e deixe esfriar. Pré-aqueça o forno a 180°C.

Recheio: em uma panelinha, aqueça o azeite em fogo médio-alto. Junte o alho e refogue por cerca de 1 minuto ou até perfumar. Junte o espinafre e cozinhe até que descongele, partindo-o com uma colher de pau. Tempere com sal, pimenta e noz-moscada e retire do fogo. Deixe esfriar um pouquinho.
Em uma tigela grande, misture a ricota, o parmesão, o espinafre e a salsinha. Tempere novamente com sal e pimenta.
Espalhe o molho em uma tigela refratária de 25x15cm. Com o auxílio de uma colher, recheie generosamente as conchinhas de macarrão com o recheio de ricota. Arrume as conchinhas sobre o molho, pressionando-as levemente para que fiquem mergulhadas nele. Cubra com papel alumínio e leve ao forno até que borbulhe, cerca de 30 minutos.

* algumas conchinhas podem quebrar ao serem cozidas na água, por isso é uma boa idéia cozinhar algumas a mais

Rend.: 2 porções generosas

quarta-feira, julho 18, 2012

Orecchiette de forno com espinafre e queijos

English version

Spinach casserole with orecchiette and cheeses / Orecchiette de forno com espinafre e queijos

Conversando com uma colega do trabalho que emagreceu bastante descobri que a dieta que ela está seguindo não permite a ingestão de glúten e derivados de leite; por mais que eu adoraria eliminar alguns (vários?) quilos jamais conseguiria seguir uma dieta como aquela, pois não sobrevivo sem pão e queijo. Sei que há meios de substituir a farinha de trigo por outras sem glúten, mas só a idéia de viver sem queijo já me deixa mal-humorada. :)

Esta queijólatra que lhes escreve adorou o macarrão de forno da Amanda Hesser: além de ter dois tipos de queijo o prato é uma delícia, substancioso mesmo sem levar carne e perfeito para dias gelados.

Orecchiette de forno com espinafre e queijos
um tiquinho adaptado da maravilhosa bíblia de receitas da Amanda Hesser

- xícara medidora de 240ml

300g de espinafre
1 colher (sopa) de azeite de oliva
1 cebola grande, bem picadinha
2 dentes de alho gorduchos, amassados
1 ½ xícaras de tomate pelado picado – se só tiver inteiros, pique-os e depois meça
225g de orecchiette
½ xícara de queijo de cabra esfarelado
½ xícara de parmesão ralado na hora
sal e pimenta do reino moída na hora

Pré-aqueça o forno a 180°C. Separe um refratário com capacidade para 6 xícaras (1 litro e meio).
Lave o espinafre e remova todos os talos. Junte as folhas e faça um rolinho com elas (como um charuto). Corte em fatias finas.
Aqueça o azeite em uma panela grande, de fundo grosso. Junte a cebola e refogue em fogo médio até que fique macia (mas sem corar). Junte o alho e refogue. Acrescente o tomate pelado seguido do espinafre. Cozinhe por cerca de 5 minutos ou até o espinafre murchar.
Enquanto isso, cozinhe o orecchiette em uma panela com água salgada e fervente até que o macarrão fique al dente.
Retire o molho do fogo, junte o queijo de cabra e metade do parmesão e misture. Tempere com sal e pimenta.
Escorra o orecchiette e transfira para a panela com o molho, misturando para cobrir toda a massa com o molho. Transfira para o refratário e polvilhe com o parmesão restante. Leve ao forno por 15 minutos ou até que esteja bem aquecido. Sirva em seguida.

Rend.: 2 porções

sexta-feira, novembro 11, 2011

Sopa de tomate apimentada com queijo-quente crocante

English version

Spicy tomato soup with crispy grilled cheese / Sopa apimentada de tomate com queijo-quente crocante

Preciso começar esse post dizendo que adoro tomates pelados enlatados – são um ingrediente ótimo e sempre tenho algumas latas na despensa. Mas apesar de usá-los para preparar molho de tomate o tempo todo não me parecia muito boa a idéia de transformá-los em sopa – por nenhuma razão, já que nunca na vida experimentara sopa de tomate enlatado. Por um momento pensei: “ai, meu D*us, estou me tornando o meu marido!” – aquele que diz detestar a comida antes mesmo de colocá-la na boca – e isso, meus amigos, NÃO VAI acontecer. :)

Foi então que fiz a sopa, a experimentei e me senti uma idiota por tê-la evitado por tanto tempo – ficou bem saborosa e reconfortante. Mas o elemento viciante desta refeição é o queijo-quente: as duas coisas que mais amo no mundo dos salgados, pão e queijo, divinamente combinados de um jeito crocante e delicioso. Estou em dívida eterna com a Barbara Lynch. :D

Spicy tomato soup with crispy grilled cheese / Sopa apimentada de tomate com queijo-quente crocante

Sopa de tomate apimentada com queijo-quente crocante
adaptados do lindo e muito bem escrito Stir: Mixing It Up in the Italian Tradition

- xícara medidora de 240ml

Sopa:
1 colher (sopa) de azeite de oliva
1 cebola pequena, bem picadinha
½ colher (chá) de pimenta calabresa (ou a gosto)
2 x 400g de tomates pelados
pitada generosa de açúcar
7-8 galhinhos de tomilho fresco
1 ¼ xícaras (300ml) de água fervente
punhado bem generoso de manjericão fresco
sal e pimenta do reino moída na hora
2 colheres (sopa)s de crème fraîche ou creme azedo (sour cream), para servir
orégano seco, para servir

Queijo quente:
½ baguette
3 colheres (sopa) de manteiga sem sal
1 colher (chá) de orégano seco + e um pouquinho mais para servir
1 xícara de um queijo que derreta bem, como Fontina ou Gruyère, ralado no ralador grosso

Comece preparando a sopa: aqueça o azeite em uma panela grande, de fundo grosso, em fogo médio. Junte a cebola e a pimenta calabresa e refogue, mexendo ocasionalmente, até a cebola amaciar. Junte os tomates, cortando-os com a colher, seguidos do açúcar, o tomilho e a água e cozinhe, mexendo ocasionalmente, por 30 minutos. Acrescente o manjericão, tempere levemente com sal e pimenta do reino e deixe esfriar um pouquinho antes de processar ou bater a sopa no liquidificador (faça isso em etapas se necessário). Passe a sopa por uma peneira fina, pressionando os sólidos com a concha para extrair o máximo de líquido possível (conselho da Barbara Lynch: “guarde o que sobrar na peneira – fica ótimo em crostini ou com beringela assada”). Mantenha a sopa em fogo baixo enquanto prepara o queijo quente.
Pré-aqueça o forno a 200°C. Separe duas assadeiras grandes, de beiradas baixas, de maneira que uma possa ser posicionada sobre a outra. Forre uma delas com papel manteiga.
Com o auxílio de uma faca serrilhada, corte a baguette em fatias de pouco mais de 5mm de espessura (leve o pão ao freezer por alguns minutos para facilitar o corte). Coloque as fatias na forma forrada com papel manteiga.
Derreta a manteiga em uma panelinha e salpique com o orégano. Pincele metade das fatias de pão com a manteiga e coloque- as de volta na forma forrada com o lado pincelado com manteiga virado para baixo (em contato com o papel). Divida o queijo igualmente entre estas fatias de pão e cubra com as fatias restantes, formando pequenos sanduíches. Pincele o lado de cima dos sanduíches com a manteiga restante. Cubra todos os lanchinhos com um pedaço grande de papel manteiga e coloque a outra assadeira por cima dele. Leve ao forno até que os sanduichinhos dourem bem, fiquem crocantes e o queijo derreta, cerca de 15 minutos. Retire do forno e remova-os do papel manteiga.
Transfira a sopa para tigelas e cobra com um pouco de crême fraîche e uma pitada de orégano. Sirva com os sanduichinhos.

Rend. 2 porções

Related Posts with Thumbnails