Tuesday, September 25, 2018

Salada de lentilha, feta e tomate cereja e o que eu associo a certos alimentos


Salada de lentilha, feta e tomate cereja

Não sei vocês, mas há momentos em que eu associo certos alimentos a determinados momentos da minha vida e isso faz com que eu queira comê-los sempre ou evitá-los a todo custo.

Arroz doce, por exemplo: antes do problema com a lactose eu fazia sempre, pois é algo que me lembra minha mãe. Quando a saudade batia forte demais daquele jeito que o coração não aguenta eu fazia arroz doce e comia quente, com uma chuvinha de canela.

Nem só de boas associações se fazem as minhas lembranças: dias atrás eu comprei feta pela primeira vez em mais de um ano. Depois de uma crise forte de enxaqueca em que fui parar no hospital, fiquei séculos sem querer nem olhar para este queijo que é um dos meus favoritos. Havia comido uma salada com feta na noite anterior à crise e mesmo sabendo que o coitado do queijo nada havia tido a ver com o modo como fiquei não conseguia mais sentir vontade de comer nada com ele. Demorou, mas passou, e uma das receitas em que mais gosto de usá-lo é nesta salada: lentilhas são um alimento tão maravilhoso que deveríamos consumir com mais frequência, não somente para dar sorte na noite de Réveillon.

Leitores maravilhosos já esvaziaram uma boa parte da minha estante, mas ainda tenho livros ótimos à venda: a lista está aqui para quem quiser dar uma espiada.

Salada de lentilha, feta e tomate cereja
receita minha

- xícara medidora de 240ml

1 xícara (200g) de lentilha seca
½ cebola
1 dente de alho descascado e cortado ao meio
1 folha de louro
3 colheres (sopa) de azeite extra-virgem
1 colher (sopa) de vinagre de vinho tinto
1 colher (chá) de cominho em pó
sal e pimenta do reino moída na hora
3 cebolinhas, somente a parte clara, em fatias finas
¼ xícara de folhas de coentro – aperte-as na xícara na hora de medir
¼ xícara de folhas de salsinha – aperte-as na xícara na hora de medir
1 xícara de tomates cereja
50g de queijo feta esmigalhado ou picadinho – pode ser substituído por outro tipo de queijo da sua preferência

Lave bem a lentilha e coloque-a em uma panela de fundo grosso média com a cebola, o alho e o louro. Junte 1 litro de água fria e leve ao fogo médio-alto, mexendo ocasionalmente, até começar a ferver. Cozinhe por cerca de 15 minutos, mexendo algumas vezes, ou até as lentilhas ficarem macias, mas sem desmanchar.

Enquanto isso, misture em uma tigela grande o azeite, o vinagre, o cominho, o sal, a pimenta e as cebolinhas. Escorra a lentilha e descarte a cebola, o alho e o louro. Transfira a lentilha para a tigela com o molho e misture para incorporar. Pique o coentro e a salsinha, corte os tomates ao meio no sentido do comprimento e junte-os à lentilha. Acrescente o feta e misture. Sirva morna ou fria – esta salada fica bem saborosa depois de uma noite na geladeira.

Rend.: 6 porções

Friday, September 14, 2018

Flammkuchen de cogumelo, alho poró e queijo


Flammkuchen de cogumelo, alho poró e queijo

Há muito tempo (muito mesmo), eu vi um programa de TV falando sobre flammkuchen, a tal pizza alemã. Fiquei animada para experimentar: a massa era fininha, crocante, dourada, e o recheio igualmente delicioso, com bacon, cebola, queijo e aliche (lembrava o recheio de uma pissaladière).

Tratei logo de fazer a receita e ficou realmente muito gostosa, mas como eu queria um recheio vegetariano fui de cogumelos, alho poró e queijo, inspirada no recheio desta torta que eu amo tanto – o Canastra entrou para dar um toque brasileiro à receita germânica. Depois disso fiz a receita algumas outras vezes, muitas delas só com queijo e orégano mesmo (antes do problema com a lactose), pois fica deliciosa, leve e crocante. Hoje é sexta-feira e acho que esta receita tem tudo a ver com final de semana.

Lembrete: ainda tenho livros interessantes à venda - a lista está aqui.

Flammkuchen de cogumelo, alho poró e queijo
massa adaptada de várias fontes, recheio receita minha

- xícara medidora de 240ml

Massa:
½ colher (chá) de fermento biológico seco
¼ colher (chá) de açúcar
1/3 xícara (80ml) de água morna
1 colher (sopa) de azeite de oliva extra virgem
1 xícara (140g) de farinha de trigo comum
3 colheres (sopa) de farinha de centeio fina
¼ colher (chá) de sal

Cobertura:
2 colheres (sopa) de azeite de oliva
200g de cogumelos de Paris, limpos e cortados em fatias no sentido do comprimento
sal e pimenta do reino moída na hora
2 alhos-porós pequenos, somente a parte mais clara, em fatias finas
2 colheres (sopa) de vinho branco seco
100g de queijo Canastra ralado grosseiramente
10 tomatinhos cereja cortados ao meio no sentido do comprimento

Massa: coloque o fermento e o açúcar em uma tigela média. Junte a água e misture com um garfo para dissolver o fermento. Reserve por 2-3 minutos ou até que o fermento espume. Adicione o azeite, as farinhas e o sal e misture para incorporá-los. Transfira a massa para uma superfície limpa e seca (não é preciso enfarinhar) e sove até obter uma massa homogênea e elástica (acrescente farinha caso seja necessário, mas evite fazê-lo em excesso ou a massa ficará dura) – se preferir, sove a massa na batedeira planetária por 5-6 minutos. Forme uma bola com a massa. Unte levemente com azeite a mesma tigela e transfira a massa para ela. Cubra com filme plástico e deixe crescer em um lugar morno e livre de correntes de ar por 40 minutos (se o dia estiver muito frio deixe mais tempo).

Enquanto isso, faça o recheio: aqueça metade do azeite em uma frigideira antiaderente grande. Junte os cogumelos e doure dos dois lados – não encha demais a panela ou os cogumelos vão soltar água. Tempere com sal e pimenta do reino - dependendo do tamanho da panela, doure os cogumelos em levas. Transfira para um prato. Volte a frigideira para o fogo, regue com o azeite restante e refogue o alho poró, mexendo algumas vezes até murchar levemente. Volte os cogumelos à panela, acrescente o vinho branco e refogue por 1 minuto, somente até o vinho evaporar. Tempere com sal e pimenta do reino e retire do fogo.

Pré-aqueça o forno a 250°C. Com o auxílio de um rolo, abra a massa em uma superfície levemente polvilhada com farinha até obter um retângulo de aproximadamente 35x25cm – a massa do flammkuchen tem que ficar bem fininha. Transfira para uma assadeira – se preferir, forrada com papel alumínio. Espalhe os cogumelos e o alho-poró sobre a massa e cubra com o queijo e os tomates. Leve ao forno por cerca de 5 minutos ou até a massa dourar. Sirva imediatamente.

Rend.: 2 porções

Tuesday, September 04, 2018

Brownies básicos para ganhar corações


Brownies básicos

Eu não sou chocólatra, mas sei que muita gente é, e a minha tese se confirma toda vez em que posto uma foto de receita com chocolate no Instagram: é chuva de <3. :)

Como estou querendo chuva de <3 esses dias e ensopado de peixe não vai me dar isso, lhes trago uma receita de brownie bem fácil e bem saborosa. A textura destes brownies é uma delícia, bem molhadinha, quase cremosa: fico com água na boca só de lembrar.


Ah, quem quiser dar uma olhada nos livros à venda a lista está aqui (estou sendo um disco furado com esse assunto, eu sei, mas a propaganda é a alma do negócio). :D

Brownies básicos
receita minha

- xícara medidora 240ml

½ xícara (113g) de manteiga sem sal, picada
2/3 xícara (60g) de cacau em pó, sem adição de açúcar
1 xícara (200g) de açúcar cristal
2 ovos grandes
1 colher (chá) de extrato de baunilha
2/3 xícara (93g) de farinha de trigo
½ colher (chá) de fermento em pó
1 pitada de sal
½ xícara (85g) de gotas de chocolate meio-amargo ou chocolate em barra picadinho

Preaqueça o forno a 180°C. Unte levemente com manteiga uma forma quadrada de 20cm, forre-a com papel alumínio deixando sobrar papel em dois lados opostos. Unte o papel com manteiga.
Em uma panela média, derreta a manteiga em fogo médio. Retire do fogo e adicione o cacau, mexendo bem para dissolvê-lo. Misture o açúcar e deixe esfriar.
Acrescente os ovos, um a um, misturando bem a cada adição. Junte a baunilha.
Adicione a farinha, o fermento e o sal e misture até a farinha sumir. Incorpore as gotas de chocolate.
Espalhe a massa na forma preparada e leve ao forno por 20 minutos ou até que a superfície do brownie pareça seca e um palito enfiado no centro saia com um pouquinho de massa grudado nele.
Deixe esfriar completamente na forma sobre uma gradinha. Corte em quadradinhos para servir.

Rend.: 16 unidades

Related Posts with Thumbnails