Wednesday, June 04, 2014

Canelone de carne e cogumelo e coisas que vale a pena experimentar

English version

Beef and mushroom cannelloni / Canelone de carne e cogumelo

Quando vejo esta receita penso naquele ditado “se a vida te der limões, faça uma limonada”, só que um pouquinho diferente: se o seu marido prova cogumelos pela primeira vez e gosta, adicione-os às refeições sempre que puder. :D

Depois do sucesso que tive com o bolonhesa vegetariano, mal podia esperar para cozinhar com cogumelos novamente, e a inspiração veio logo das primeiras páginas deste ótimo livro – sim, eu sou aquela pessoa doida por carne moída que compra um livro inteiro sobre o assunto. :)
Quando terminei de preparar o recheio, o cheiro e o sabor eram tão bons que me deu vontade de mergulhar um pão nele e comê-lo feito buraco-quente, e também daria para misturar um espaguete ali para uma refeição rápida (algumas ideias para quem não estiver a fim de enrolar canelones).

Por anos meu marido não entendeu o meu amor por seriados de TV e é claro que ele não conseguiria entender já que nunca dera uma chance às séries. Isso mudou quando ele começou a ver “The Blacklist” comigo: ele viciou nas aventuras de Raymond Reddington tanto quanto eu, e gostou tanto que agora nós também assistimos a “Resurrection” juntos.

Acho que na vida é melhor experimentar antes de descartar, seja comida ou seriado de TV – e a receita que lhes trago hoje vale a pena mesmo provar.

Canelone de carne e cogumelo
um tiquinho adaptado do ótimo Mincespiration!

molho de tomate feito com 1 ½ latas de tomate pelado picado (400g cada lata) – guarde a ½ lata restante para usar no recheio

azeite de oliva
200g de cogumelos de Paris, limpos e picados
sal e pimenta do reino moída na hora
300g de carne moída
1 cebola bem picadinha
3 dentes de alho, amassados e bem picadinhos
1/3 xícara (80ml) de vinho branco
½ lata de tomates pelados picados
1 punhado de orégano fresco
500g de massa fresca para lasanha
cerca de 50g de parmesão ralado fininho

Pré-aqueça o forno a 200°C.
Aqueça 1 colher (chá) de azeite em uma frigideira antiaderente grande e refogue os cogumelos até dourarem. Tempere com sal e pimenta, retire do fogo e reserve. Usando a mesma panela, junte um pouquinho de azeite e refogue a carne por 4-5 minutos ou até que doure. Junte a cebola e o alho e continue refogando por mais 2-3 minutos. Tempere com sal e pimenta. Regue com o vinho e cozinhe até o líquido reduzir pela metade. Adicione os tomates pelados picados e o orégano e cozinhe por 5 minutos, mexendo ocasionalmente. Retorne os cogumelos à panela, misture, prove e corrija o tempero se necessário, e então cozinhe por 1 minuto ou até que quase todo o líquido seja absorvido. Retire do fogo e deixe esfriar um pouquinho.

Espalhe metade do molho de tomate em uma forma ou pirex de 20x30cm.
Coloque uma folha de lasanha sobre a tábua, coloque uma colherada de recheio, cubra com um pouquinho de parmesão e então enrole, formando um canelone. Repita com o restante de massa e recheio. Arrume os canelones sobre o molho de tomate, cubra com o molho restante e salpique com o que sobrou de parmesão. Leve ao forno por cerca de 30 minutos ou até que o molho borbulhe e a massa esteja macia.

Rend.: 5-6 porções

5 comments:

Sabrina Romano said...

que coisa mais linda,Pat... E servida nessa assadeira que todo mundo tem em casa, é quase uma intimação!Se o Ebraim vir isso a essa hora eu estou perdida...

E esse livro; vale a pena?!?

Cintya Maria Pedroso Ferrari said...

Hummmm! Com esse friozinho uma massa cai muito bem (ou melhor, nesse tempo só penso em massa!rsrs) Adorei!
Bjs

tatiane said...

Aqui há divergências matrimoniais causadas pelo cogumelo, marido gosta só daquela de vidrinho e eu prefiro os frescos. Combinamos dele passar tudo para o meu prato (pra não desperdiçar porque tá caro).

Comprei o livro, quanta coisa boa, só não tenho carme moída aqui, fuén.

beijos

Patricia Scarpin said...

Sá, essa forma é tão velhinha, está toda amassada, mas gosto tanto, sempre uso!
O livro é ótimo, tem receitas com carne moída bovina, suína, etc. Gostei bastante.
Bj!

Tati, eu adorei esse livro, espero que vc use bastante. Bjs!

Valentina said...

Amo carne moída também Pat, principalmente um half half de porco e gado.

Related Posts with Thumbnails