quarta-feira, janeiro 24, 2007

World Peace Cookies

English version

World Peace Cookies

Jenjen os fez. Deb também. E Anita.

“Esses biscoitos devem ter algo de especial…” pensei. Algo muito bom para causar tanta comoção por aí.

O único jeito de desvendar o mistério era fazer a receita – e aqui estão, senhoras e senhores: um dos biscoitos mais gostosos que já comi, certamente o mais gostoso que já fiz.

Meus biscoitinhos ficaram ótimos, mas estavam mais pra macios do que para crocantes. Se alguém aqui conhecer esta receita, adoraria ouvir a sua opinião – será que os fiz corretamente?

World Peace Cookies

175g de farinha de trigo
30g de cacau em pó sem adição de açúcar
½ colher (chá) de bicarbonato de sódio
155g de manteiga sem sal, em temperatura ambiente – não use margarina
145g de açúcar mascavo
50g de açúcar refinado
½ colher (chá) de flor de sal ou ¼ colher (chá) de sal – usei sal
1 colher (chá) de extrato de baunilha
140g de chocolate amargo, bem picadinho – usei meio-amargo mas vou fazê-los de novo usando o amargo

Peneire a farinha, o cacau e o bicarbonato. Reserve.
Bata a manteiga até que fique cremosa e macia. Junte os açúcares, o sal e a baunilha e bata por mais 2 minutos.
Junte os ingredientes secos e misture – para uma textura melhor, não mexa muito na massa e também não se preocupe se ela estiver meio esfarelada.
Acrescente o chocolate picado e misture.
Vire a massa numa superfície e divida em duas partes – eu pesei minha massa para ter certeza de que as partes ficariam iguais.
Pegue cada metade separadamente e molde-a em formato de tubo, como uma “torinha” – fiz isso sobre um pedaço de papel manteiga, achei que funcionou bem.
Embrulhe cada tubinho em plástico e leve à geladeira por 3 horas* - a massa pode ficar na geladeira por 3 dias ou ser congelada por 2 meses e você não precisa descongelá-la antes de assar, só asse por 1 minuto a mais.
Pré-aqueça o forno a 160ºC/320ºF e forre assadeiras com papel manteiga ou aqueles tapetinhos de silicone bacanas que a Tatu gosta de usar.
Com uma faca afiada, fatie os tubos de massa fazendo círculos de 1cm de espessura. Se a massa se desfizer na hora de cortar – e isso acontece especialmente por causa dos pedacinhos de chocolate - junte tudo de novo e formate como um círculo, não tem problema.
Coloque-os na assadeira com uma distância de 3m uns dos outros.
Asse por 12 minutos – eles não vão parecer prontos e ainda estarão molinhos.
Deixe-os esfriar na forma – conforme esfriam, vão se tornando mais firmes.
Sirva-os morninhos ou em temperatura ambiente.

Rende 36 cookies – consegui 46.

* Anita foi a única que escreveu que os biscoitos deveriam ser refrigerados por 1 hora. Fiz como ela pois estava com pouco tempo – deu super certo. A massa já estava bem durinha para ser fatiada.

23 comentários:

miki w. disse...

hummmmm, apetitosos! e se vc diz q foram os melhores biscoitos q vc fez, devem seu WOW mesmo!!!

nunca vi esses tapetinhos de silicone, vc tem? será q tem em qq loja de utilidades domesticas?

beijinhos, miki

Agdah disse...

Menina, todo dia digo pra mim mesma que tenho que comprar esses "tapetinhos de silicone" e acabo esquecendo.

Valentina disse...

PAt, que apetitosos amiga. Ficaram bem bonitinhos mesmo. infelizmente nao conheco a receita para comentar. Amiga, pelas proporçoes dos ingredientes diria que a textura atingida ficou certa seguindo a tua descricao.bjs

Renata disse...

Que lindos, eu gosto assim, macios...

Hj fiz sua farofa de cenoura, que delícia. É daquelas receitas pra fazer sempre...

Anônimo disse...

ái meu deus...eu adooooooooorrro biscoitinhos, e ultimamente vcs blogueiras estão me deixando doidas...rs Os ingredientes são simples para umvisual tão bonito! Vou testar!
Bjs
Marina T.

lunalestrie disse...

Patricia, querida, que foto fofa, esse lacinho está lindo! Achei intrigante a receita levar flor de sal, aqui só achei flor de sal com alecrim, então só dá pra usar em salgados. Fiquei com muita vontade de fazer esses cookies, ainda mais que essas receitas que pulam em vários blogs são sucesso na certa - tipo a farofa de cenoura (rs). Beijos!

Eliana Scaramal disse...

Patrícia está um mimo a foto! Eu também não conheço a receita pra opinar, mas se você fala que ficou bom eu confio de olhos fechado.

Dadivosa disse...

Patrícia, vou me juntar à Miki-rida... se você, que tanto condão possui na feitura de biscoitos, destaca essa receita entre tantas outras, quem sou eu para duvidar?
Fiquei bastante tentada a superar meu trauma de cookies ;D
Beijos

Akemi disse...

Fiquei aqui a imaginar esses cookies morninhos, com o chocolate derretido a sujar a boca e um copão de leite para acompanhar... hummmm!

Cris disse...

Patricia, ficaram lindos...nunca fiz cookies mas com esta receita fiquei com muita vontade de experimentar!!!!
Macios ou estaladiços??? depende do gosto de cada um, eu prefiro estaladiços, já o meu marido deixa-os ao ar para que fiquem moles e macios...há cada mania!!!! :0)

Beijos

Silvia Arruda disse...

Patricia do céu!! Estes biscotinhos devem ter ficados deliciosos!! Quem não gostaria de ganhar um presente como este, hein? hummmm

Patricia Scarpin disse...

Miki, obrigada - vc é muito querida mesmo!
Eu não tenho os tapetinhos, usei formas forradas com papel manteiga mesmo e funcionou bem.
Sei que a Barra Doce os vende, mas são caaaaaaaros!

Oi, Agda, os tapetinhos são caros por aqui.

Tina, adorei o seu comentário técnico. Ficaram bem gostosinhos, sim!

Renata, obrigada! Fico feliz em saber que vc gostou da farofinha - achei perfeita pra vc.

Marina, eu tb sofro com as blogueiras, viu? risos Quero fazer tudo!!

Luna, obrigada!
Usei o sal comum pois só encontrei a flor de sal aromatizada, como vc está dizendo, no mercado. Talvez eu tenha que ver em algum empório.
Eu fiquei super feliz com a repercussão da farofinha. :D

Eli, obrigada! Vc é muito querida.

Dadi, vc é tão doce, amiga!
Esse aqui não precisa de cortador nem nada, só fatiar as torinhas e mandar pro forno.

Akemi, eles sujam a boca e os dedos, amiga, tens razão! Ri do teu comentário. :D

Cris, obrigada! A receita é boa, viu? Eu vou voltar a fazê-la, certamente!
Ri to jeito do teu marido. :D

Silvia, obrigada! Vc é gentil demais, amiga!

Beijão a todas!

Cinara disse...

Pat, eu também não conhecia esta receita! Mas parece realmente campeã. Já arquivei no del.icio.us! E essa embalagem que você fez?? Coisa mais linda... Beijão!

Cristina Stein disse...

Querida Patricia,
sabe quem é o autor dessa oitava maravilha? Ninguém outro que o Pierre Herme...O cookie foi divulgado primeiro como Korova Cookie pela incrível Dorie Greenspan no livro "Paris Sweets". E depois no outro livro dela (também muuuuito bom)"From my home to yours".
A consistência é essa mesma. Um sonho.E um clássico. Acertou em cheio, né?
Beijos
Cristina

Regina disse...

Pat, eu não conheço essa receita, mas assim q fizer eu te aviso para compararmos ok? Eu já fiz os cookies rendados e estou para postar faz um tempão... bjs

Patricia Scarpin disse...

Cinara, obrigada!! Que bom que vc gostou.

Cristina,
Eu sabia que a receita era dele, acabei nem escrevendo nada por puro esquecimento. Descobri isso nos blogs em que peguei a receita. Vc tem razão, ele é danado e a Dorie também. Quero ver se compro esse livro dela, ele está "bombando" entre os food bloggers.
Espero que vc volte mais vezes ao meu blog, obrigada pelo comentário!

Rê, fiquei curiosa com os cookies rendados, vc gostou? E a querida Sofia, o que achou deles?

Beijos a todas!

Elvira disse...

Bem... Eu já trabalhei como assessora de imprensa para um senhor premiado... Olhe que ele não era tão bom como esses cookies...! ;-D

Cristina Stein disse...

Querida Patrícia,
refiz essa receita neste fim-de-semana, deixei a massa de um dia pro outro na geladeira. Ela ficou incrível. Fiz uns sanduichinhos de sorvete com o cookie no meio, congelei... e estou preparada pros amigos que chegam de surpresa!
Cristina
p.s. Dou mais certo com os bolinhos da "Dorie" que com os da "Donna". Que a turma da Donna não me leia...bjs

Verena disse...

Patricia, estou numa fase super baker, sempre gostei de fazer pratos salgados mas agora não sei o que me deu e quero fazer tudo sobre cookies, muffins, brownies. Esses cookies têm uma cara ótima e vou provar a receita!
Um abraço!

Anônimo disse...

Oi Patricia, uma dúvida: não tem ovo nesse cookie? Fiz, deu certo mas estranhei a falta do dito já que todas as receitas que conheço levam ovos. Tens alguma explicação "científica" sobre isso? Thanks a bunch
Juliana

Patricia Scarpin disse...

Oi, Ju!
Esse aqui não leva ovo, mesmo. Há algumas poucas receitas de cookies que fiz que não levam ovo, mas você tem razão, são minoria absoluta.
Que bom que a receita deu certo.
Beijo!

Anônimo disse...

Nossa! um blog puxa o outro e vim parar aqui sei lá como. rs..
Mas - colega!!! - preciso dessa receita de farofa de cenoura que tanta gente comentou aí... não achei no seu índice :(
Me socorra por email!!!
thailisec@hotmail.com

Patricia Scarpin disse...

A farofa está no índice, sim! De qualquer forma, aqui está o link:


http://technicolorkitchen.blogspot.com/2007/01/medalhes-de-fil-mignon-com-farofinha-de.html

Related Posts with Thumbnails