quarta-feira, janeiro 31, 2007

Arroz doce da minha mãe

English version

My mom’s rice pudding

A Valentina está promovendo um evento para blogs chamado “Meu Prato Preferido” – clique aqui e saiba mais. Esta é a receita que escolho para participar.

Minha mãe fazia muito este arroz doce mais líquido, que eu chamava de “sopa de arroz”. Eu o comia bem quentinho para afugentar o frio, com um montão de canela por cima.

Eu adorava tanto esse arroz doce que pedia pra minha mãe fazer toda hora, tomava no calorão mesmo, vício total.

Havia muitos anos que não comia este arrozinho gostoso e hoje fiquei feliz da vida por prová-lo novamente.

Obrigada, amiga, por me proporcionar um momento tão especial.

Arroz doce da minha mãe

60g de arroz, lavado e bem sequinho
350ml de água
150ml de leite fervente – usei semi-desnatado
3 colheres (sopa) de açúcar
1 pitada de sal
1 canela em pau
canela em pó a gosto

Ferva a água com a canela em pau e adicione o arroz. Cozinhe em fogo alto até ficar al dente – aprox. 8 minutos.
Junte o leite e o açúcar e a canela em pau e deixe cozinhar em fogo baixo até o arroz ficar macio – 10-12 minutos.
Desligue o fogo e sirva imediatamente, quentinho, polvilhado com canela em pó.

Serve 2 pessoas – ou 1 coração cheio de saudade.

19 comentários:

Regina disse...

Nossa que bonito esse final: "um coração cheio de saudades"... é, todos fomos crianças um dia... bjs

valentina disse...

Pat amiga, que delicia de prato. Esta coisa da canela ja me cativa.bom, o arroz ja me cativa.rss Fiquei imaginando ocmo ficaria se fizessemos com arborio. Bem comfort food mesmo este prato.Lind!! E com toda esta bagagem emocional se torna o prato mais delicioso do mundo.obrigada por postar.

Dadivosa disse...

Patrícia, agarrou-me uma emoção! Essa idéia da Valentina foi mesmo muito feliz. E eu acabei não conseguindo fazer a receita que tinha na cachola :(
Será que pode uma mais antiguinha?

Menina, fiquei com uma vontade desse arroz doce da sua mãe...

Beijos e obrigada por mais esse post tão carregado de amor!

lunalestrie disse...

Patricia, até eu que não gosto muito de arroz fiquei com vontade... Linda sua postagem. Amei participar desse evento, todo mundo que postou pisou no passado e me parece que foi um bem coletivo. Parece também que todas nós lembramos de um pratinho quente, aconchegante, não?
Beijos!!! :)

Akemi disse...

Concordo cm a Regina, adorei o final do post, super terno!
E esse arroz com um montão de canela, que delícia! Sabe que sempre comi arroz doce gelado? Vou experimentar quentinho da próxima vez!

fezoca disse...

Patricia, eu adoro arroz doce! fiquei anos tentando acertar uma receita sem sucesso, ate que um dia - aleluia! faco sempre essa que finalmente deu certo, e gosto assim molinho tbm. beijos,

Eliana Scaramal disse...

Patrícia você me fez chorar com seu post, lindo! Tudo que cerca a palavra mãe me emociona muito, me lembro que quando criança sempre pedia de natal uma mãe de presente, pois eu não tive uma. Hoje eu sou MÃE, muito feliz muito realizada. Quero deixar essas marcas no Rapha. Seu post está MARAVILHOSO!

Elvira disse...

Que delícia! Eu também gostava muito de arroz doce, quando era pequenina. :-)

Marcia da Paz disse...

Oi Pat voltei no tempo com o arroz da sua mãe, se acredita que eu cheguei aprovar.....nossa tudo q vc escreve é muito bonito, e o sentimento nas palavras são forte, mas esse acho q vc escreveu com "alma" muito linda a sua postagem bjs

Caiano Silvestre disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Karen disse...

Eu não gostava de arroz doce... Vai entender...

Cinara disse...

Patricia, adorei seu post, amiga! Infelizmente, minha mãe não teve a mesma sorte que a sua... Ela sempre fazia arroz-doce, mas eu detestava! Você acredita que fui passar a gostar recentemente? Hoje eu AMO, sinto até DESEJO de comer arroz-doce! :oD E como a Akemi, eu sempre como geladinho...
Aproveite e dê uma olhadinha neste site: www.ricetoriches.com
Beijinhos!

Itza disse...

Patricia, como todas as meninas acima adorei seu post. Doce como o arroz que vc fez. Eu amo arroz doce e minha filha também, mas infelizmente hoje em dia não faço muito porque temos que cuidar a silhueta. :) E ela assim como a mãe, gosta de comer é muito!!! Beijocas.

miki w. disse...

pat querida, q saudades deves sentir da tua mãezinha, né? já estou chorando, acho q isso está ficando cada vez mais freqüente nessas minhas visita pela blogolândia :_).

tenho certeza de q a tua mãe adorou esse post cheio de amor, carinho e lembranças cheias de saudades.

beijinho, miki

Patricia Scarpin disse...

Regina, obrigada!! É muito bom ter essas lembranças da infância.

Tina, querida, que bom vc ter gostado. É uma grande responsabilidade participar do seu evento!
Acho que com arborio ficaria delicioso, mais cremosinho! Qualquer hora vou provar.
Obrigada a você por esta oportunidade de resgatar algo tão querido.

Dadi, obrigada! Vc é muito doce, amiga. Também fiquei bem emocionada ao comer o arroz e ao escrever o texto.

Luna, obrigada! Adorei resgatar esta receitinha depois de tantos anos.

Akemi, minha mãe era do sul então ela tinha vários truques para espantar o frio - e comer arroz doce quente era um deles. risos
E a minha paixão por canela vem desde pequena!
Obrigada, querida!

Fezoca, tb gosto muito!

Eli, tb me emociono muito com tudo o que uma mãe representa.
Acho que vc faz o Rapha a criança mais feliz do mundo, amiga!!
Obrigada pelo carinho.

Elvira, obrigada - é uma delícia, não?

Marcinha, que bom saber que vc tb provou este arroz quentinho! Aquela época era muito boa, não? Sinto saudades, amiga.
Obrigada pelo carinho.

Karen, eu não gosto muito dele frio nem gelado, só gosto assim do jeito que minha mãe fazia. risos

Cinara, obrigada! A gente aprende tanto na vida e nossos gostos vão mudando conforme ficamos mais velhos.
Já assisti a uma reportagem sobre essa loja em NY e acho muito interessante os sabores deles, obrigada pelo link!

Itza, obrigada! Concordo contigo que não dá pra abusar, risos. Temos que maneirar com os doces. Sabe que fazia uns 15 anos que eu não comia esse arroz?

Miki, minha querida amiga, obrigada pelo carinho.
Sinto saudade dela todos os momentos mas sei que onde ela estiver está bem e olhando por todos nós aqui. Tento fazê-la se orgulhar de mim todos os dias.


Beijos a todas vocês, obrigada pelas palavras doces!

bia disse...

adorei este seu post, eu tb adorava o arroz doce da minha mae, com bastante canela !

miki w. disse...

pat, vc é muito fofa! fico tão feliz de ter te encontrado!
beijinhos, miki

Silvia Arruda disse...

Pat, eu ainda não fiz a receita que lembra a minha infância porque tem várias e eu ainda não me decidi por uma em especial.
Eu adoro arroz doce!! Esta receita da sua mãe (que eu sei que é muuuito especial pra vc) com certeza vai ser testada!!
Bjo

Anônimo disse...

ola patricia, fiquei surpresa e feliz ao ler os comentarios da sua receita de arroz doce, pois e incrivel como coisas tao simples como uma receita nos fazem sentir, ou voltar a sentir, nao e? essa e a primeira vez que entro no seu blog, mas com certeza agora estarei sempre por aqui, pois adoro coisas vindas do coracao... um beijo tatiane/londres

Related Posts with Thumbnails