Friday, November 08, 2013

Barrinhas de caramelo e chocolate e tornando algumas coisas interessantes para adultos

English version

Caramel and chocolate bars / Barrinhas de caramelo e chocolate

Há bastante tempo, muitos anos antes de vampiros estarem “na moda” (ou de serem transformados em criaturas que andam em plena luz do dia), um cineasta respeitado fez uma obra-prima com o livro de Bram Stoker, e o meu ator favorito tornou difícil a vida de qualquer um que se atrevesse a interpretar um vampiro.

Pouco mais de vinte anos depois é lançado um trailer bem interessante em que Tilda Swinton e Tom Hiddleston interpretam vampiros – aparentemente sombrios, nada coberto de purpurina, graças aos céus. :D Ambos parecem maravilhosos em “Only Lovers Left Alive” e mal posso esperar para assistir ao filme. Não acho que alguém será um dia capaz de chegar ao nível de Gary Oldman como vampiro, mas realmente acredito que Swinton e HIddles podem tornar as criaturas da noite interessante para nós adultos novamente. :)

Não me considero apta a fazer campanha de comida saudável – compro, sim, e como coisas processadas vez ou outra, e acho que vocês se lembram bem dos meus doces com pedacinhos de Oreos e Snickers. :) Entretanto, candy bars – ou os “chocolates” com os quais a maioria de nós cresceu – não são muito a minha praia: quase sempre as acho doces demais, mesmo aquelas que eu adorava quando era pequena. Estas barrinhas do Bill Granger, com camadas de biscoito, caramelo e chocolate, são uma forma deliciosa de tornar uma certa candy bar interessante para nós adultos – e o sal salpicado por cima faz toda a diferença nestes pedacinhos viciantes de deliciosidade. :D

Barrinhas de caramelo e chocolate
um nadinha adaptadas do lindo e delicioso Holiday (comprei o meu aqui)

- xícara medidora de 240ml

Base:
125g de farinha de trigo
1 colher (chá) de fermento em pó
1 xícara (90g) de coco em flocos adoçados
½ xícara (100g) de açúcar cristal
125g de manteiga sem sal, derretida

Recheio:
100g de manteiga sem sal
100g de açúcar mascavo
1 lata (395g) de leite condensado
2 colheres (sopa) de glucose de milho
1 colher (chá) de extrato de baunilha

Cobertura:
150g de chocolate meio-amargo – usei um com 53% de cacau
sal marinho em flocos ou flor de sal a gosto – usei Maldon, conforme sugestão do Bill

Pré-aqueça o forno a 180°C. Unte levemente com manteiga uma forma retangular de 20x30cm, forre-a com papel alumínio deixando sobrar em dois lados opostos, formando “alças”, e unte o papel também.
Base: em uma tigela grande, coloque a farinha, o fermento, o coco, o açúcar e a manteiga derretida e misture até conseguir uma massa. Pressione a massa no fundo da forma preparada e asse por 12-15 minutos ou até que doure um pouquinho.
Enquanto a base assa, prepare o recheio: em uma panela média, junte todos os ingredientes e leve ao fogo baixo, mexendo até dissolver o açúcar. Aumente o fogo, deixe começar a ferver e então reduza o fogo novamente, e cozinhe mexendo sempre por 5 minutos ou até que a mistura engrosse e fique levemente dourada. Espalhe o recheio sobre a base e asse por mais 10 minutos. Retire do forno e deixe esfriar completamente sobre uma gradinha.

Derreta o chocolate em banho-maria (fogo baixo, sem deixar que o fundo da tigela toque a água) Espalhe sobre a camada de caramelo e deixe secar. Salpique com o sal e corte em quadradinhos.

Rend.: 24 unidades

9 comments:

Bárbara Pustai said...

Nunca fui fã de vampiros - nem daqueles da velha guarda, muito menos dos teens.

Candy bars, pelo contrário, sempre adorei, apesar de achar que 1) meu paladar mudou muito ou 2) a qualidade desse tipo de doce em geral decaiu bastante :(

Essa é uma ótima opcão pra fazer em casa e reacender o amor <3 hahaha

Beijos!

valeria rezende said...

Oi Patricia;que boa noticia, amo a Tilda;achei que foi super injusto ela ser ignorada nas premiações depois de arrasar em "precisamos falar sobre Kevin".Mas como vc mesma já cansou de dizer, muitos atores deveriam colocar a mão na consciencia e entregar os oscars pra quem realmente merece.
Abraços!

Anonymous said...

Nunca tinha achado um lugar pra ver tantas coisas boas, até achar esse aqui. Já fiz tantas receitas que você posta aqui, e é uma festa aqui em casa, todos amam! obrigada por postar, realmente.
Agora vou tentar Bolo de São Clemente! tenho uma paixão por tudo que leve limão :x
Bom final de semana!

Lu

Patanisca said...

Devem ficar uma delícia!!

Patricia Scarpin said...

Bárbara, eu tenho a mesma sensação: também acho que o meu paladar mudou e ao mesmo tempo sinto que a qualidade caiu muito. :S
Bj, querida!

Valeria, tudo naquele ano foi feito para que Meryl levasse o Oscar para casa. Tilda sequer foi indicada e teve a melhor performance de todas. Adoro Meryl, mas ela não estava tudo isso como Margareth Thatcher (além de o filme ser sacal).
Bj!

Lu, que comentário querido, obrigada!
Adorei saber que você e sua família curtem os doces, que notícia boa! Obrigada pelo carinho, um beijo!

Rita said...

Pat, estamos na mesmíssima vibe nos dois assuntos. Dracula/Gary insuperável, no clima certo, na vibe vampiresca de raiz, hahahaha. E, né, quem não "peca" nas comidinhas? Mas "chocolate" muito doce não me pertence mais. Meu paladar mudou, e acho que não volta atrás nesse quesito.

Beijocas
Rita

Tina Lopes said...

Não sou chocólatra mas essas barrinhas me fizeram tremer mais do quando Keanu é deixado sozinho no castelo ;)

Karol said...

De fato são uma delícia, mas não lembram em nada o Twix. A base de coco é maravilhosa, repetirei em outras tortas. Muito obrigada pela receita. Família adorou =]

Patricia Scarpin said...

Karol, a ideia é a mesma do Twix (biscoito, caramelo, chocolate), por isso eu comparei. Que bom que vcs gostaram, beijo!

Related Posts with Thumbnails