Wednesday, June 03, 2015

Pãezinhos de leite

English version

Milk rolls / Pãezinhos de leite

É tão gostoso quando chegam os exemplares das revistas de comida que assino: geralmente saio marcando um monte de receitas, mas levo certo tempo para colocá-las em prática, especialmente se as revistas chegam naqueles dias em que um pulo no supermercado é mais do que necessário.

Quando a revista Donna Hay chegou, há algumas semanas, tanto minha geladeira quanto meu armário estavam meio pelados, mas quando vi a receita destes pãezinhos soube que os faria na manhã seguinte: a lista de ingredientes enxuta consistia de básicos que eu ainda tinha (um pouquinho deles, pelo menos), por isso não seria um problema. Preparei os pãezinhos e ficaram lindos, o perfume pela casa era uma delícia.

Postei uma foto no Instagram e algumas pessoas adoraram, por isso eu queria muito postar a receita aqui no blog, o problema é que juntei minha família ao redor da mesa para um café e os pãezinhos desapareceram naquele mesmo dia. :)

Todo mundo adorou os pãezinhos, por isso os fiz mais uma vez e achei que ficaram ainda melhores, bem mais dourados – agora que consegui fazer uma foto decente deles lhes trago a receita e acho que vocês vão gostar: é fácil de fazer e os pãezinhos ficam divinos.

Pãezinhos de leite
um nadinha adaptados da sempre incrível revista Donna Hay

330ml de leite integral
65g de manteiga sem sal, temperatura ambiente e picada
3 colheres (sopa) de açúcar cristal
2 colheres (chá) de fermento biológico seco
2 ovos
650g de farinha de trigo
1 colher (chá) de sal

Para pincelar os pãezinhos:
1 gema
1 colher (chá) de leite integral

Coloque metade do leite em uma panelinha e leve ao fogo alto até que comece a ferver. Retire do fogo, junte a manteiga e o açúcar e misture até a manteiga derreter. Acrescente o leite restante e aguarde a mistura ficar morna para despejá-la na tigela de uma batedeira planetária (ou numa tigela grande caso você vá sovar a massa na mão). Junte o fermento biológico, misture bem com um garfo para dissolvê-lo e aguarde uns 5 minutos ou até que a mistura espume.

Junte o ovo, a farinha e o sal e misture com o batedor em formato de gancho (batedor para massas pesadas) por cerca de 8 minutos ou até obter uma massa lisa e macia – ou sove na mão por uns 10-12 minutos. Transfira a massa para uma tigela grande levemente pincelada com manteiga, cubra com filme plástico e deixe crescer em um lugar morninho até dobrar de volume, uns 40 minutos. Unte uma forma de metal de 20x30cm com manteiga e reserve.

Dê um soquinho na massa para retirar o ar, divida-a em 15 porções iguais (as minhas tinham 75g cada) e forme uma bolinha com cada porção, rodando a massa sobre uma superfície lisa dentro da sua mão em formato de garra. Arrume as bolinhas de massa na assadeira untada, umas ao lado das outras, deixando 1cm de distância entre elas. Cubra com um pano de prato limpo e seco e deixe crescer novamente, cerca de 40 minutos – enquanto isso, preaqueça o forno a 200°C.

Em uma tigelinha, bata a gema e o leite juntos. Pincele os pãezinhos com a mistura e leve ao forno por 20-25 minutos ou até que dourem bem e ao dar batidinhas nos pães com os nós dos dedos o som seja de algo oco. Deixe esfriar na forma, sobre uma gradinha, por 5 minutos. Desenforme com cuidado sobre a gradinha e deixe esfriar. Sirva mornos ou em temperatura ambiente – os pãezinhos podem ser congelados por até 1 mês: deixe que esfriem completamente e guarde-os em saquinhos Ziploc.

Rend.: 15 unidades

23 comments:

Mhilka Diniz said...

A receita já anotei. Vou tentar executar.
Beijos
http://mhilkadiniz.blogspot.com.br/

IVANEIDE said...

Cute!!!

Agatha Imbuzeiro said...

Patricia, amo suas receitas!
Fico com uma dúvida às vezes, como fiquei com essa receita. Nunca tenho leite integral em casa, pois só uso desnatado. No caso das receitas que pedem integral, posso usar o desnatado ou teria alguma implicação?
Obrigada.

Sarah Abreu said...

Você faz pães tão lindos que me dá vontade de sovar massa! Pode? HAHAHAHA! Parabéns! Como sempre!

Patricia Scarpin said...

Oi, Agatha, tudo bem?
Eu não recomendo, pois se a receita pede o integral é porque a gordura do leite tem alguma função nela.
Beijo!

Barbara said...

Será que daria para substituir por leite de coco?

Renata said...

Pat vc recomenda alguma marca de fermento biológico seco? Todas as vezes que usei em alguma receita minha massa não cresceu =(

marcia martins said...

Olá, testei a receita ontem.SUCESSO TOTAL! Ficaram maravilhosos. Obrigada por compartilhar.
Beijos mil.
márcia

Fernanda said...

Oi Patricia,

Já fiz várias das suas receitas e adoro todas. Fiz esse pão há 2 dias porém precisei usar bem mais leite do que recomenda a receita porque a massa ficou super dura e quase a batedeira enroscou (e é uma Kitchen Aid)... Que marca de farinha você costuma usar? Não sei se pode ser isso.

Sabrina Romano said...

Nossa, não paro de olhar para eles!!!

Patricia Scarpin said...

Barbara, eu não recomendaria por causa da quantidade de gordura.

Renata, eu já usei várias, na verdade gosto da Fleischmann, mas já usei Dona Benta e Oatker sem problema. Será que vc não está matando o fermento com água quente demais?
Bj!

Marcia, que notícia ótima! Obrigada a você por me contar o resultado!

Fernanda, eu tenho Kitchen Aid e a usei neste pão, isso pode ter acontecido sim com a marca de farinha ou mesmo o tamanho dos ovos - sempre uso Renata. Beijos!

CRISTIANE LARA said...

Que lindos e quanta fofura ! :) Bjs

Fernanda said...

Fiz de novo os pães e dessa vez ficaram ótimos. Obrigada Patricia

Patricia Scarpin said...

Fernanda, que boa notícia! Obrigada a você por vir aqui me contar! xx

Stefânia Barreto Tissot said...

Acabei de tirá-los do forno e ficaram incríveis! Não conseguir nem esperar esfriar para atacar um deles.

A receita é ótima e está muito bem explicada, Patrícia. Parabéns! Com certeza vou repetir quando meus sogros vierem me visitar.

Beijos!

Patricia Scarpin said...

Stefânia, querida, que bom que vc gostou da receita! Tomara que os seus sogros também gostem dos pãezinhos.
Obrigada pelo comentário, beijos!

HUMMMM...CUPCAKES! said...

Eu amei a receita e fiz, o resultado maravilhoso e eu nunquinha tinha feito pão. Muito obrigada por nos ajudar a descobrir o amor pela comida feita com amor e dedicação.

Loo said...

só pra contar que fiz o pão pela quarta vez, segunda vez na semana, e é só sucesso

@luciane

Naína said...

Olá, Patricia! Suas receitas parecem sempre deliciosas e as fotos são lindas!
Qual é a velocidade ideal da batedeira para sovar esse tipo de massa?

Obrigada!

Naína

Patricia Scarpin said...

Naína, depende da sua batedeira - na Kitchen Aid eu geralmente uso a mais baixa ou logo a próxima depois dela (acho que 2). Bj!

Maria Cecilia Vargas de Alcantara said...

Oi Patricia. Não sei onde errei, mas os meus pães ficaram duros e meio crus!

Roberta said...

Acabei de fazer! Ficaram deliciosos, mas não tão fofinhos quanto os seus parecem ter ficado. Talvez devesse ter batido um pouco mais, ou deixado descansar mais tempo. Fiz tudo do jeitinho que você indicou e usei batedeira planetária (Cuisinart, veloc 2), mas talvez o clima frio de hoje tenha feito diferença... O que você acha, Pat?
Beijos!!!

Patricia Scarpin said...

Oi, Rô! O frio faz diferença sim - eu sempre ligo o forno baixinho para deixar a cozinha menos gelada. Bjs!

Related Posts with Thumbnails