Friday, June 22, 2018

Rolinhos de laranja, canela e sementes de papoula, comentários e um seriado


Rolinhos de laranja, canela e sementes de papoula

Minha rotina é puxada e eu fico bem feliz quando me sobra tempo para escrever aqui no blog. É terapêutico para mim. Não consigo sempre responder os comentários de vocês, mas saibam que leio um a um, com um carinho enorme. E nos dias em que bate a bad e a tristeza me joga no chão eu leio novamente os comentários, novamente um a um, e são como um bálsamo. Por isso, muito obrigada por virem aqui me visitar e deixar o afeto de vocês em forma de comentários. <3


Algumas de vocês me contaram nos comentários que gostam de quando escrevo sobre filmes e seriados, faz tempo que não faço isso direito. Mencionei “Trust” outro dia, mas ainda estava na metade da temporada. Fiquei bem interessada quando li sobre o que se tratava – o sequestro de John Paul Getty III e a confusão danada causada pelo avô que não queria pagar o resgate – mas ao mesmo tempo tinha “Todo o Dinheiro do Mundo” na minha lista, com Christopher Plummer e Michelle Williams, atriz que eu achei um picolé de chuchu por anos a fio até vê-la como Marilyn (daí caí de amores por ela). Ao ler que “Trust” tinha Donald Sutherland como o velho pão duro e Danny Boyle como produtor e diretor me joguei de cabeça. :)

O seriado é realmente excelente e nem tinha como ser diferente, mas as surpresas são mesmo a volta de Brendan Fraser, ator cujo único trabalho bom até então havia sido “Deuses e Monstros” (que filmaço, meu deus) e Harris Dickinson, que segura um rojão nada fácil de maneira grandiosa – Angelina nada boba que é já colocou o menino em “Malévola 2”. Pensando nele e seus cabelos alaranjados e suas muitas sardas eu trago a receita de hoje: o bom e velho rolinho de canela, ou cinnamon roll, perfumado e dourado de laranja e pintado de sementes de papoula.

Rolinhos de laranja, canela e sementes de papoula

Rolinhos de laranja, canela e sementes de papoula
receita minha

Massa:
½ xícara (120ml) de leite integral morno
¼ xícara (50g) de açúcar cristal
2 ½ colheres (chá) de fermento biológico seco
raspas da casca de 1 laranja grande
1 ovo grande, temperatura ambiente
¼ xícara (56g) de manteiga sem sal, amolecida
1/3 xícara (80ml) de suco de laranja
1 pitada de sal
½ colher (chá) de extrato de baunilha
3 ½ xícaras (490g) de farinha de trigo comum
2 colheres (sopa) de sementes de baunilha

Recheio:
½ xícara (100g) de açúcar cristal
raspas da casca de 1 laranja grande
1 colher (chá) de canela em pó
3 colheres (sopa) – 42g – de manteiga sem sal, amolecida

Glacê:
½ xícara (70g) de açúcar de confeiteiro, peneirado – meça, depois peneire
1-2 colheres (sopa) de suco de laranja

Rolinhos de laranja, canela e sementes de papoula

Comece pela massa: na tigela da batedeira planetária, misture com um garfo o leite, ½ colher (chá) do açúcar e o fermento. Reserve por 5 minutos ou até espumar. Enquanto isso, em uma tigelinha, misture o açúcar restante e as raspas de laranja com as pontas dos dedos até o açúcar ficar aromatizado. Junte o ovo, a manteiga, o suco de laranja, o sal, a baunilha, a farinha e as sementes de papoula e misture com o batedor para massas pesadas em velocidade média até obter uma massa lisa e elástica, cerca de 8 minutos – se sovar na mão, 12-15 minutos. Forme uma bola com a massa, transfira para uma tigela grande pincelada com manteiga e cubra com plástico filme. Deixe crescer em um lugar morninho da cozinha, longe de correntes de ar, até dobrar de volume, 1 ½ horas.

Recheio: em uma tigelinha, misture o açúcar e as raspas de laranja com as pontas dos dedos até o açúcar ficar aromatizado. Junte a manteiga e a canela e misture bem.

Forre uma forma redonda de 23cm com papel manteiga e unte-o com manteiga. Dê um soquinho na massa para remover o excesso de ar. Sobre uma superfície levemente enfarinhada, abra a massa com um rolo até obter um retângulo de 30x50cm. Espalhe o recheio sobre a massa usando uma espátula de silicone, deixando uma borda de 1cm. Começando por um dos lados mais longos, enrole a massa de maneira firme, formando um cilindro. Corte em 10 fatias iguais e coloque cada uma delas lado a lado na forma preparada com o lado cortado virado para cima. Cubra com um pano de prato limpo e seco e deixe crescer novamente por 40-60 minutos – enquanto isso, preaqueça o forno a 200°C.

Asse os pãezinhos por 25-30 minutos ou até que fiquem bem dourados e assados por dentro.

Enquanto isso, faça o glacê: em uma tigelinha, misture o açúcar e o suco de laranja até obter uma calda espessa. Reserve.

Retire os pães do forno e deixe esfriar na forma sobre uma gradinha por 5 minutos. Desenforme com cuidado transferindo os pãezinhos para a gradinha e remova o papel manteiga. Regue com o glacê. Sirva mornos ou em temperatura ambiente.

Os pãezinhos podem ser guardados em um recipiente hermético em temperatura ambiente por até 3 dias.

Rend.: 10 unidades

5 comments:

Anonymous said...

Humm, parecem deliciosos!

Raquel said...

Patricia, entrei aqui com o propósito de comentar, porque percebi que sempre abro teus posts mesmo que a comida não seja do meu agrado (assino no feedly, e lá so aparece o título e a foto). Hoje foi um desses casos, não gosto de canela, mas abri mesmo assim pra ler teu textinho. Te acompanho há sei lá quantos anos e quase nunca comento, mas saiba que tens uma leitora que aprecia tanto as receitas quanto as histórias, além de compartilhar teu amor por cítricos! Obrigada pelas receitas e pelo papo!

Grazi said...

Oi querida.
Fico feliz que você leia os comentários :O)
Anime-se, saiba que seu blog e Instagram traz felicidade para a vida de quem te segue. Essa semana fui demitida após 10 anos de empresa e para passar o tempo além de estudar, estou cozinhando. Seu blog será fonte de receitas para adoçar o meu dia a a dia e evitar que o amargor tome conta.
Por favor, sempre que tiver um tempinho alimente suas redes com as belas fotos das iguarias e textos. As vezes pequeninas ações do dia a dia animam quem te segue, e quem sabe o hábito não devolva o seu amor e vontade de cozinhar com frequência? Ou até abandone a idéia de vender seus livros?
Ou até mesmo lançar um livro da sua autoria???????!!!!!!!!
Palavra de quem está em um momento confuso: lute. Meu marido e eu estamos desempregados, fico fazendo calculos loucos e buscando alternativas até quando conseguir me recolocar. Com certeza o meu drama nem chega aos pés das suas dificuldades, mas acredito que o que impulsiona a vitória seja o dominio da mente, ou o termo mais famoso: "mindset".
O mindset é fundamental, ouso afirmar que a nossa mente pode trazer enfermidade ao nosso físico além do emocional. No You Tube tem inúmeros vídeos a respeito, é uma verdadeira terapia para mim.
Fique bem, viver não é fácil, mas você está dando duro desde a infância e essa fase ruim será fichinha para uma guerreira como ti. Acredite e mentalize a sua felicidade!
Abração para a minha teacher linda.
Beijocas,
Grazi

Grazi said...

Oi querida.
Fico feliz que você leia os comentários :O)
Anime-se, saiba que seu blog e Instagram traz felicidade para a vida de quem te segue. Essa semana fui demitida após 10 anos de empresa e para passar o tempo além de estudar, estou cozinhando. Seu blog será fonte de receitas para adoçar o meu dia a a dia e evitar que o amargor tome conta.
Por favor, sempre que tiver um tempinho alimente suas redes com as belas fotos das iguarias e textos. As vezes pequeninas ações do dia a dia animam quem te segue, e quem sabe o hábito não devolva o seu amor e vontade de cozinhar com frequência? Ou até abandone a idéia de vender seus livros?
Ou até mesmo lançar um livro da sua autoria???????!!!!!!!!
Palavra de quem está em um momento confuso: lute. Meu marido e eu estamos desempregados, fico fazendo calculos loucos e buscando alternativas até quando conseguir me recolocar. Com certeza o meu drama nem chega aos pés das suas dificuldades, mas acredito que o que impulsiona a vitória seja o dominio da mente, ou o termo mais famoso: "mindset".
O mindset é fundamental, ouso afirmar que a nossa mente pode trazer enfermidade ao nosso físico além do emocional. No You Tube tem inúmeros vídeos a respeito, é uma verdadeira terapia para mim.
Fique bem, viver não é fácil, mas você está dando duro desde a infância e essa fase ruim será fichinha para uma guerreira como ti. Acredite e mentalize a sua felicidade!
Abração para a minha teacher linda.
Beijocas,
Grazi

Dani said...

Oi, nessa correria da vida, tou aproveitando pra deixar um abraço pra vc. Sempre passo por aqui quando estou desanimada, pra salivar nas suas fotos e receitas deliciosas!
Sempre volto aqui no seu site, seja pra buscar inspiração pra cozinhar, seja pra enrolar alguma tarefa chata;)
Muito obrigada por isso!

Related Posts with Thumbnails