Tuesday, August 12, 2014

Bolo de creme de leite, limão e gengibre - uma ótima receita depois de uma bem ruinzinha

English version

Lime and ginger cream cake / Bolo de creme de leite, limão e gengibre

Possets ou “potinhos”, como chamei as versões de limão siciliano e maracujá que publiquei por aqui tempos atrás, são sobremesas que adoro, não somente por serem deliciosas mas também por serem facílimas de preparar: quase não se cozinha nada e os sucos cítricos e a geladeira fazem todo o trabalho.

Fiquei de olho em um posset de toranja por séculos, uma receita que eu vira na "Delicious Australia", e depois de fazer barrinhas com a fruta achei que o posset fosse igualmente bom – eu estava errada. :(

O creme ficou amargo e gorduroso demais, e não firmou direito.

Foi provavelmente a primeira receita da revista com a qual fiquei desapontada – foi um mini-choque, digamos assim, pois uso as receitas o tempo todo, sempre com resultados excelentes. Fiquei feliz por ter feito apenas metade da receita do posset – menos comida no lixo é sempre bom – mas por isso mesmo acabou sobrando creme de leite fresco na geladeira, e eu teria de usá-lo logo antes que vencesse.

O bolo de creme de leite da Deborah Madison foi a minha salvação (eta Eat Your Books danado de útil!), mas em vez de açúcar mascavo e gengibre, optei por açúcar cristal, gengibre e adicionei limão taiti – o resultado foi um bolo delicioso, com um quê cítrico e outro de especiarias, ambos na medida, e tão fofinho que foi difícil cortar fatias certinhas dele (como o bolo de vinho do Porto que publiquei aqui semanas atrás).

O potinho de toranja pode ter sido um triste desperdício de bom creme de leite, mas este bolo foi a maneira perfeita de usar o que sobrou.

Bolo de creme de leite, limão e gengibre
um tiquinho adaptado do Seasonal Fruit Desserts: From Orchard, Farm, and Market

- xícara medidora de 240ml

105g de farinha de trigo
95g de farinha para bolos - caseira: 80g de farinha de trigo comum + 15g de amido de milho
1 ½ colheres (chá) de fermento em pó
1 ½ colheres (chá) de gengibre em pó
1/8 colher (chá) de sal
2 ovos, temperatura ambiente
1 xícara (240ml) de creme de leite fresco
175g de açúcar cristal
1 colher (chá) de extrato de baunilha
raspas da casca de 2 limões taiti
1 colher (sopa) de suco de limão taiti
açúcar de confeiteiro, para servir

Pré-aqueça o forno a 180°C. Unte com manteiga uma forma redonda de 20cm, de fundo removível, forre o fundo com um círculo de papel manteiga e unte o papel também.

Em uma tigela média, misture com um batedor de arame as farinhas, o fermento, o gengibre e o sal.
Na batedeira, usando o batedor de arame, bata os ovos até espumarem. Acrescente o creme de leite, o açúcar e a baunilha e bata em velocidade alta até que a mistura fique com a textura de creme de leite levemente batido. Raspe as laterais da tigela ocasionalmente.
Junte as raspas, o suco de limão e os ingredientes secos a bata em velocidade baixa somente até incorporar e desmanchar possíveis grumos. Despeje na forma preparada e asse por 50-60 minutos ou até que o bolo cresça e doure (faça o teste do palito).
Deixe esfriar na forma por 30 minutos e então remova o aro lateral, deixando o bolo esfriar completamente. Retire o fundo da forma e o papel, transfira o bolo para um prato e polvilhe com açúcar de confeiteiro.

Rend.: 8 porções

15 comments:

Clara Brito said...

Olá,

Gostei muito da tua sugestão e esse bolo ficou com um aspecto divinal: alto e fofo.

Beijinhos,
Clarinha

http://receitasetruquesdaclarinha.blogspot.pt/

DonaB said...

Não é que eu seja uma expert em culinária, mas sempre ouvi dizer que quando se faz metade de uma receita, não que dizer que se usem exactamente os ingredientes em metade. Já me aconteceu a receita normal ficar óptima e depois fazer meia receita e ficar triste... triste!
Não desanimes, pode ter sido da receita ao meio! :-)
Beijinhos
Cláudia

Patricia Scarpin said...

Cláudia, não creio que tenha sido isso, não - como aqui em casa somos só dois, faço meia receita quase sempre, às vezes 1/3 e até mesmo 1/4 de receita. Sempre funciona.
Beijo!

Cassis said...

Sera que se dobrar a receita vai dar certo do mesmo jeito??? =)
Aqui em casa somos loucos por bolo, e esse esta com uma cara tão boa que deve ser difícil comer só um pedaço.

Patricia Scarpin said...

Cassis, acho que dá pra dobrar, sim, mas o tamanho da forma não sei te dizer. Talvez uma de 20x30cm? Só testando mesmo.

Cassis @Cozinha Legal said...

Fiz a receita duplicada e ficou muitooo bom. Deu super certo e o gostinho de gengibre da um que a mais, mesmo. A receita rendeu uma forma redonda de 23cm. =)
Abs
Cassis.

Patricia Scarpin said...

Cassis, que bom saber que deu certo! Beijos e obrigada por vir aqui me contar!

Rafaela said...

Paty, será que teria muito problema usar o creme de leite de caixinha??

Patricia Scarpin said...

Rafaela, não sei se ficaria a mesma coisa por causa da diferença no teor de gordura.

Nicolle Ferrari Menezes said...

Estava com um creme de leite próximo ao vencimento e aproveite para fazer a sua receita... ganhou uma seguidora fiel rs! Úmido e fofinho, uma delícia de bolo. Acabei fazendo com a siciliano e dobrando a quantidade do suco. Abraços!

Patricia Scarpin said...

Nic, que bom saber disso! E seja muito bem-vinda ao blog! <3

Renata said...

Olá! Gostaria de tirar uma dúvida sobre a quantidade de farinha... não entendi direito.

Patricia Scarpin said...

Oi, Renata - neste bolo são usados dois tipos de farinha de trigo: a comum (105g dela) e a própria para bolos (95g dela). Como aqui no Brasil não temos farinha própria para bolos, ensino no post a fazê-la em casa - para conseguir 95g de farinha para bolo, use 80g de farinha comum + 15g de maisena. Junte isso aos outros 105g de farinha comum. Ou seja, vc vai usar 185g de farinha de trigo no total e 15g de maisena.

Rerlyn said...

Pode usar creme de leite de caixa?

Patricia Scarpin said...

Rerlyn, pode sim.

Related Posts with Thumbnails