quarta-feira, dezembro 11, 2013

Vanillekipferl (biscoitinhos de baunilha vienenses) e uma competição nada justa

English version

Vanillekipferl (Viennese vanilla crescents) / Vanillekipferl (biscoitinhos de baunilha vienenses)

O pessoal por trás do Oscar parece ter desenvolvido uma estratégia para deixar as performances mais poderosas de fora da competição (talvez para assegurar que aquelas mais ou menos levem os prêmios? Quem sabe). Ano passado tanto Tilda quanto Michael Shannon não foram incluídos no joguinho (e eles estavam absolutamente magníficos em “Precisamos Falar Sobre o Kevin” e “O Abrigo”, respectivamente), e 2013 será lembrado por mim como o ano em que Marion Cotillard foi ignorada apesar de ter sambado na cara de todos com “Ferrugem e Osso”. O filme é tão maravilhoso que ainda não consegui escrever uma linha sequer sobre ele (costumo chamar de “efeito ‘Árvore da Vida´”), e a interpretação de Marion é algo sublime. Harvey Weinstein deve ter sentido profundo alívio quando Marion não foi indicada, pois ela definitivamente tornaria as coisas bem mais difíceis para Jennifer Lawrence – eu a adoro, mas aquele Oscar foi uma piada (e uma demonstração do poder do lobby).

Estes biscoitos, com seu nome germânico e seu incrível sabor de baunilha, são um dos melhores que já fiz (e olhem que já fiz biscoito nessa vida); são deliciosos, derretem na boca, e como são bonitinhos podem ser uma boa opção de presente ou uma adição à mesa do Natal – só tenho pena de qualquer outro biscoito perto deles, pois a competição não seria nada justa... ;)

Favas de baunilha são um ingrediente caro e não as uso com frequência, mas como é Natal acho que um pouquinho de luxo não faz mal; caso queiram preparar os biscoitos, não se esqueçam de planejar com antecedência: o açúcar de confeiteiro da cobertura e a baunilha precisam de um tempo para se conhecer melhor. ;)

Vanillekipferl (biscoitinhos de baunilha vienenses)
um tiquinho adaptados do The Gourmet Cookbook: More than 1000 recipes

- xícara medidora de 240ml

Açúcar baunilhado (para envolver os biscoitos):
170g de açúcar de confeiteiro (usei impalpável)
1 fava de baunilha, aberta no sentido do comprimento, sementes removidas com as costas de uma faca

Biscoitos:
245g de farinha de trigo
25g de açúcar de confeiteiro
1 pitada de sal
70g de farinha de amêndoa
1 fava de baunilha, aberta no sentido do comprimento, sementes removidas com as costas de uma faca
170g de manteiga sem sal, gelada e em cubinhos
2 colheres (chá) de extrato de baunilha

Comece preparando o açúcar baunilhado: coloque o açúcar, as sementes de baunilha e a fava em uma tigela pequena e misture com as pontas dos dedos para aromatizar o açúcar. Cubra com filme plástico e deixe em temperatura ambiente de um dia para o outro.

Biscoitos: no processador de alimentos, misture a farinha de trigo, o açúcar de confeiteiro, o sal, a farinha de amêndoa e as sementes de baunilha. Junte a manteiga e pulse para incorporar (a mistura vai parecer uma farofa grossa). Com o processador ligado, acrescente o extrato de baunilha e processe apenas até que uma massa comece a se formar. Forme um disco com a massa, embrulhe em filme plástico e leve à geladeira por pelo menos duas horas (ou de um dia para o outro).

Pré-aqueça o forno a 180°C. Forre duas assadeiras grandes, de beiradas baixas, com papel manteiga.
Separe porções de ½ colher (sopa) nivelada de massa e formate um cilindro com elas; entorte levemente as pontas de cada cilindro para formar uma meia-lua e coloque-as nas assadeiras deixando 2,5cm de distância entre uma e outra. Asse por 10-15 minutos ou até que dourem bem levemente.
Com cuidado, passe os biscoitinhos ainda mornos no açúcar baunilhado e então transfira para uma gradinha. Deixe esfriar antes de guardar em recipiente hermético e polvilhe com mais açúcar baunilhado antes de servir.

Rend.: cerca de 50 biscoitos

8 comentários:

Anônimo disse...

pode bater na batedeira em vez de processador?

Susana Machado disse...

Que maravilha de biscoitos!
Beijinhos,
http://sudelicia.blogspot.pt/

J disse...

Bom dia na massa só 25 gr de açucar??? Bem sei que são polvilhados de açucar mas parece-me muito pouco!

Renata disse...

Patrícia como faz para assinar a revista da Donna Hay e receber em casa? Muito obrigada! O blog está como sempre lindo!

Raquel Alabaça disse...

estão lindos e gulosos :-)

Patricia Scarpin disse...

Anônimo, não vai dar certo com a manteiga gelada. Mas se vc quiser tentar...

J., é isso mesmo, bem pouquinho açúcar.

Renata, é só acessar o site dela (www.donnahay.com.au). Há versões eletrônicas para PC e para Ipad, acho que compensam mais porque são mais baratas e você não fica semanas esperando a revista chegar pelo correio...
Bj!

Adriana Barbosa disse...

Patrícia, vi ontem Ferrugem e Osso e o achei sublime, desses filmes que precisamos ver uma segunda vez para captar todas as nuances. Obrigada pela indicação e por essas receitas divinas também! :)

Patricia Scarpin disse...

Oi, Adriana! Que bom que vc gostou do filme, adorei saber!
Beijo!

Related Posts with Thumbnails