quinta-feira, outubro 04, 2012

Muffins de frutas vermelhas e marzipã e um fantástico marzipã caseiro

English version

Marzipan and berry muffins / Muffins de frutas vermelhas e marzipã

Algumas coisas para mim são revelações, e o fabuloso marzipã caseiro do Paul Hollywood é uma delas: quando eu era criança toda vez que a minha avó alemã vinha nos visitar ela trazia pequenas caixas de marzipã – ela amava o doce. Logo eu também comecei a amar marzipã e isso era a única coisa boa nas visitas de minha avó (digamos que ela não era uma pessoa agradável).

A vó Frida parou de nos visitar depois que minha mãe morreu, e alguns anos depois ela se foi também, e ali foi o fim dos meus dias com sabor de marzipã. Depois de adulta comecei a procurar pelo marzipã, aquele que eu comera na infância, e para a minha decepção as versões que encontrei nada tinham de parecido – eram versões artificiais e pobres da pasta de amêndoa e que de amêndoa não tinham nada. Semana passada, entretanto, ao folhear a minha mais nova aquisição deparei com uma receita de marzipã que me parecia bem fácil; como eu tinha todos os ingredientes em casa corri para prepará-la e o resultado foi um marzipã espesso e delicioso, com textura e sabor fantásticos, tão bom que o escondi rapidamente na geladeira ou teria comido meio quilo ali, em uma sentada só.

A combinação de framboesas, morangos e marzipã envolvidos por uma massa muito macia e com mais sabor de amêndoa é o que torna estes muffins os mais gostosos que já fiz; eu adoraria contar a vocês o quão saborosos são os pedacinhos de marzipã mornos dentro dos muffins mas preciso parar antes que eu acabe babando sobre o teclado. :)

Muffins de frutas vermelhas e marzipã
um nadinha adaptados da linda e deliciosa Delicious - Australia

- xícara medidora de 240ml

¾ xícara + 1 colher (sopa) - 185g - de manteiga sem sal, amolecida
¾ xícara + 2 ½ colheres (sopa) - 180g - de açúcar cristal
2 ovos grandes
1 colher (chá) de extrato de baunilha
¾ xícara (105g) de farinha de trigo, peneirada
1 ½ xícaras (150g) de farinha de amêndoa
1 pitada de sal
100g marzipã, em cubinhos pequenos – usei caseiro, receita mais abaixo
100g de morangos frescos, em cubinhos pequenos
100g de framboesas congeladas (use sem descongelar antes)
açúcar de confeiteiro, para polvilhar

Pré-aqueça o forno a 180°C. Forre uma forma de muffins com 12 cavidades (cada uma com capacidade para 1/3 xícara) com forminhas de papel, ou unte-as generosamente com manteiga.
Na tigela grande da batedeira, bata a manteiga e o açúcar até obter um creme claro e fofo. Junte os ovos, um a um, batendo bem a cada adição. Junte a baunilha. Com uma espátula, incorpore delicadamente a farinha de trigo, a de amêndoa e o sal, e então incorpore o marzipã. Divida a massa entre as cavidades da forma.
Espalhe as frutas sobre a massa (eu as empurrei um pouquinho para dentro) e leve ao forno por 25-30 minutos ou até que os muffins dourem (faça o teste do palito). Deixe esfriar na forma sobre uma gradinha por 5 minutos e então desenforme com bastante cuidado (os muffins ainda quentes são bem molinhos, mas se deixar esfriar demais eles grudam na forma). Transfira para a gradinha.
Polvilhe os muffins com açúcar de confeiteiro antes de servir – estes muffins ficam ainda mais incríveis ainda mornos.

Rend.: 12 muffins

Marzipã caseiro
do lindíssimo e fantástico How to Bake

1 ovo grande
¼ colher (chá) de extrato de baunilha
90g de açúcar refinado*
1 xícara (140g) de açúcar de confeiteiro, peneirado
220g de farinha de amêndoa
raspas da casca de 1 laranja

Em uma tigelinha, bata ligeiramente o ovo e a baunilha com um garfo.
Em uma tigela grande, misture o açúcar refinado, o de confeiteiro e a farinha de amêndoa. Junte as raspas de laranja e o ovo batido e misture, primeiramente com uma colher de pau e depois com uma das mãos. Vá sovando até que o marzipã fique com uma textura homogênea. Forme uma bola com ele, embrulhe bem em filme plástico e leve à geladeira por pelo menos 3 horas ou de um dia para o outro.
O marzipã pode ser guardado bem embrulhado na geladeira por até 1 mês.

* sempre uso açúcar cristal em minhas receitas, mas como não queria uma textura granulosa no marzipã bati o açúcar no processador de alimentos antes de usar

Rend.: 500g

16 comentários:

Fê Dayrell disse...

Patricia estes muffins ficaram deliciosos, um convite a tentação.
Sabia que nunca comi marzipã? Vou levar a sua receita e experimentar, agora fiquei curiosa.
bjo

Alessandra Foletto disse...

Oi Patricia,
Estava querendo muito este livro how to bake do Paul, agora que vc falou dele quero mais ainda.
Os muffins ficaram lindos, com certeza irei fazê-los em breve.
Bjs
Ale

Anônimo disse...

Oi, Patrícia!!
Estes muffins parecem realmente deliciosos...
Estou aqui rindo porque estou pensando em fazê-los apesar da dieta (anda preciso eliminar 25kg [já eliminei 5kg]), ou seja, provo metade de um e dou o restante :-)
Só queria tirar uma dúvida: para fazer o marzipã pode colocar tudo no processador e bater até a massa dar o ponto?
Um grande abraço.
Rosinei

#Dede# disse...

Patrícia, seu blog é lindo suas receitas deliciosas!! qnd quero um bolinho ou um docinho diferente corro pra cá!todo dia to por aqui!!:) mas sabe do que sinto falta? daquelas fotos mordidas, ou fatiadas, pra ver como fica por dentro! deu vontade de saber como ficam os pedacinhos do marzipa!nham nham!!:) otima tarde! bj

Ana Carolina Lima disse...

Olá Patrícia! Esses dias teve um café da manhã na minha empresa, e fiz aquele bolo de limão com iogurte, substituindo o limão normal pelo siciliano! Fez o maior sucesso!
E amanhã vou ver se consigo comprar forminhas de muffins e a farinha de amêndoa, pra fazer esta receita que me pareceu maravilhosa!!!!!
Um grande beijo!!!!

Luciana Betenson disse...

Amei estes muffins Pat!!

wair de paula disse...

Pat, adoro muffins no café de domingo. Até me disponho a acordar mais cedo se necessario - o qe detesto, confesso! - só par isso. Agora, tenho mais ua ótima receita. Abs!

Ana Carolina Lima disse...

Olá Patricia!!! Consegui fazer os muffins hoje!!! Mas achei estranho não ir fermento e coloquei um pouquinho, o que fez a massa crescer demais nas cavidades. Da próxima, vou seguir a receita direitinho rsrs E achei que o meu ficou bem oleoso, o seu também?
Mas mesmo assim, ficou muito bom!!! :)
Beijos

Patricia Scarpin disse...

Rosinei, não, o marzipan não deve ser feito no processador.

Ana Carolina, os muffins não deveriam ter ficado oleosos... Não sei o que pode ter havido - você mediu a manteiga certinho?
Bj!

Ana Carolina Lima disse...

Oi Patrícia, os seus ficaram tão lindos, achei estranho o meu ter ficado oleoso mesmo! Medi sim, até comprei uma balança de cozinha!! Será que foi a minha farinha de amêndoa que era mais oleosa?? Bjs

Patricia Scarpin disse...

Oi, Ana! Putz, não sei mesmo lhe dizer - a farinha de amêndoa que uso é bem sequinha, compro sempre na Barra Doce.
Bj!

Valentina disse...

Que tender esta memória da tua avó. Que pena vc nao poder compartilhar esta revelacao com ela. Um marzipan vagabundo é o maior castigo. Lindos lindos estes muffins

Anônimo disse...

Oi Paty,
Não achei a farinha de amêndoas, será que é possível eu fazê-la?
Amo suas receitas...
Bj
Thatiana Bandeira

Patricia Scarpin disse...

Thatiana, tudo bem?
Aqui no post do Richie ele diz como faz a farinha em casa:
http://acozinhacoletiva.blogspot.com.br/2012/10/bolo-de-limao-amendoas-e-polenta-da.html
Bj!

Anônimo disse...

Olá Patricia, tudo bem? Sigo seu blog há algum tempo mas nunca comentei. Hoje tive um ímpeto de fazer o marzipã - porque tenho bastante farinha de amêndoas - mas parei quando vi que na sua receita usa-se o ovo inteiro cru. Por isso ele só serve pra ser usado como recheio que vai ao forno? ou pode ser consumido "cru" como docinhos mesmo? Obrigada, Suse

Patricia Scarpin disse...

Oi Suse,
Eu comi o marzipã puro porque não tenho medo de ovo cru (uso ovos orgânicos). Mas para modelar docinhos acho que não serve até mesmo por causa da textura.

Related Posts with Thumbnails