sexta-feira, novembro 25, 2011

Pão de aveia

English version

Oatmeal sandwich bread / Pão de aveia

Ao organizar meus livros na nova estante peguei o "Good to the Grain" nas mãos e fiquei olhando par a linda capa (aquelas tortinhas de ruibarbo deliciosas!) por alguns segundos... De repente, me toquei de não o usava havia séculos – é um dos meus livros de receita favoritos e isso me fez pensar nos pobres coitados livrinhos que eu nunca ou quase nunca uso. Essa sou eu. Por isso decidi preparar alguma coisa – qualquer coisa – do livro e já que havia um pacote de aveia listado no meu inventário este pão foi a escolha. Acho que vocês conseguem ver pela foto o quão macio ele ficou; além disso, tenho outra boa notícia: este pão fica fantástico em forma de queijo quente.

Pão de aveia
do lindíssimo Good to the Grain: Baking with Whole-Grain Flours

- xícara medidora de 240ml

2 ¼ colheres (chá) - 7g - de fermento biológico seco
3 colheres (sopa) de melado de cana
2 ½ xícaras (350g) de farinha de trigo integral
2 xícaras (280g) de farinha para pães – usei farinha de trigo comum
1 xícara (115g) de aveia em flocos
¼ xícara (56g) de manteiga sem sal, derretida e quase fria
½ colher (sopa) de sal*

Unte uma tigela grande e uma forma de bolo de inglês de 22,5x12,5x7,5cm com manteiga. Reserve.
Coloque 2 xícaras (480ml) de água morna, o fermento e o melado na tigela grande da batedeira planetária. Misture e então aguarde o fermento borbulhar (uns 5 minutos). Acrescente as farinhas, a aveia e a manteiga derretida e misture com uma colher de pau. Cubra com um pano de prato limpo e seco e reserve por 30 minutos.
Coloque o batedor em formato de gancho na batedeira, junte o sal à massa e misture em velocidade média por 6 minutos – a massa deverá bater nas laterais da tigela sem grudar; se a massa estiver grudenta demais acrescente 1 ou 2 colheres (sopa) de farinha de trigo (somente se for absolutamente necessário – evite acrescentar farinha à massa).
Transfira a massa para uma superfície levemente enfarinhada e sove algumas vezes. Coloque a massa na tigela untada, cubra com um pano de prato limpo e seco e deixe crescer por cerca de 1 hora ou até que dobre de volume.
Transfira a massa para uma superfície levemente enfarinhada e formate-a como um retângulo (com o lado menor virado para você). Dobre como uma carta comercial e então role a massa na superfície algumas vezes, até obter um cilindro. Aperte para selar as emendas e transfira para a forma untada (com a emenda virada para baixo). Deixe crescer novamente, em um lugar livre de correntes de ar, por cerca de 1 hora.
Pré-aqueça o forno a 200°C.
Antes de assar, salpique a superfície do pão com aveia (opcional)**. Asse por cerca de 40 minutos ou até que a superfície do pão esteja tão escuro quanto o melado*** e a parte inferior esteja bem dourada. Para verificar se o pão está pronto: dê batidinhas na superfície do pão – o som deve ser de algo oco. Caso não seja, asse-o por mais 5 minutos. Verifique novamente.
Retire o pão do forno e cuidadosamente desenforme-o, transferindo para uma gradinha. Deixe esfriar completamente.

* o pão não estava salgado o bastante para mim – eu aumentaria o sal em uma próxima vez
** pincelei o topo do pão com manteiga derretida para tentar “grudar” a aveia , mas não funcionou – quando desenforme o filão a aveia voou sobre a pia
*** meu pão ficou meio branquelinho, mas ainda assim ficou gostoso – se eu tivesse deixado no forno até o topo ficar marrom escuro (como manda a receita) o pão teria queimado

Rend.: 1 filão grande – fiz exatamente a receita acima e consegui dois filões usando duas formas de bolo de inglês de 20x9cm

24 comentários:

Luna disse...

Estou querendo fazer um pão hoje ou amanhã, esse parece uma ótima opção, ficou lindo! ;D Beijo!

Beth disse...

lindo pão, ficou com um optimo aspecto, gostei!

beijinhos

Marmita disse...

maravilha.. eu tb adoro fazer pão. ainda ontem o fim.. fica um cheirinho tão bom na cozinha!

Ana Rita disse...

Apesar de todas as peripécias ele ficou lindo....A aveia no topo nem vai fazer falta...e esse miolo tem um aspecto tao fofinho!

Bjoka
Rita

saboracasa disse...

Valeu a pena tanto trabalho, está lindissimo e de certeza muito bom
bom fim de semana
Paula

CR disse...

Patricia,
E quem não tem a batedeira planetária? Você sugere um modo de fazer sovando à mão?
Beijo!

Samy disse...

Pat, quando eu era criança, eu e minha mãe fazíamos vários pães, eu ADORAVA fazer 3 furos com os dedos na massa quando eles estavam crescidos, ela ficava brava, assava, e a marquinha ficava! ahahahah dai lembro que cortava a casquinha, passava margarina ainda quentinho e comia.. dilíça!

Hoje em dia não fazemos mais, porque dava um trabalho imenso, fazer TUDO a mão..e depois ficar um tempão assando, cada fornada eram uns 5 pães! pensa!

beijos

Ana E.G. Granziera disse...

Oi, Pat.
Já fiz esse pão várias vezes. Fica tão bom... sempre faço 2 e congelo um. Ele congela e descongela super bem. Pequeno dragon-slayer adora bocadinhos dele. ^_^

bjs

COLHENDO FLORES ENTRE ESPINHOS disse...

Adoro aveia, é tao saudavel!
bjs

Victória disse...

Pincele com água que funciona...
Isto também já me aconteceu!

Flora. disse...

Mmm ainda não acertei um jeito de fazer as coisas (aveia, gergelim, etc) colarem em cima do pão.
Vou tentar a dica da Vitória.

E gostei da idéia do inventário, de repente fixo um quadro negro na minha cozinha e vou atualizando a lista toda semana...

Beijocas!

Rose disse...

Patricia o que eu posso fazer para trocar o melado por outro ingrediente?

AP disse...

Estou fazendo o pão agorinha. Achei a receita ótima, mas sem batedeira planetária (meu caso) só usando o método do Bertinet para sovar a massa que é bem mole.

Acho que vai ficar meio apertado na forma que estou usando, porque a cabeçuda aqui não leu o post até o final antes de começar, nem seguiu sua intuição que dizia que ia ficar apertado. Agora, só esperando pra ver.

Ah! Grudei a aveia em cima com água, mesmo sem ter lido tudo. Vamos ver se cola!

Jonas Marquezini disse...

Encontrei a primeira receita de pão para tentar na batedeira nova (já nem tão nova assim haha... estão lindos
Bjos Pat

Patricia Scarpin disse...

CR, dá pra fazer sem batedeira, sim! Sove como qualquer outr pão.
Beijo!

Samy, querida, essas recordações da infância são tão gostosas, não?
Beijo!

Victória, adorei a dica, obrigada!

Cecilia disse...

Oi, Patrícia. Fiz uma oficina de pão e usamos um borrifador com água para umedecer o pão já modelado, depois rolamos a massa numa tigela com grãos (aveia, girassol, linhaça, etc.). Dá certíssimo!

Patricia Scarpin disse...

Cecilia, obrigada pela dica! Vou testar!

Anônimo disse...

Acabei de fazer o pão. Delicioso!! Macio que só. Obrigada por compartilhar a receita. A propósito testei a dica de pulverizar com água e a aveia grudou direitinho.
Dirma
dirmasilva@yahoo.com.br

Patricia Scarpin disse...

Dirma, adorei saber - que bom que vc gostou da receita! Que bom que a dica da água deu certo.

Mari disse...

Patrícia, estou fazendo esse pão toda semana! Já troquei a aveia por quinoa e por centeio e ficaram delícia, mas com aveia é o mais delicioso mesmo. E gosto com m enos sal mesmo, estilo pão doce! Acrescentei currants à massa uma vez e ficou muito delicioso! Depois quero fazer com uvas passas... vai ficar delícia! Estou doida pra comprar esse livro! Vou comprar em breve!
Abraços e obrigada por tanta coisa gostosa!
Seu blog é meu livro de receitas oficial!

Patricia Scarpin disse...

Oi, Mari! Tudo bem?
Menina, adorei saber do pão, que bom que está dando certo! Eu é que te agradeço por vir aqui me contar do resultado.
Beijão!

Eliane, Cynthia e participações especiais disse...

Esta foi a primeira receita que testei deste blog, desde então já repeti muitas vezes e é um pão perfeito para mim..adoro este blog!!

Patricia Scarpin disse...

Eliane e Cynthia, que bom saber que gostaram do pão! Adorei!

Patricia Scarpin disse...

Eliane e Cynthia, que bom saber que gostaram do pão! Adorei!

Related Posts with Thumbnails