quarta-feira, novembro 09, 2011

O bolo favorito de Elvis Presley + minhas escolhas de personagens se eu fosse atriz

English version

Elvis Presley's favorite pound cake / O bolo favorito do Elvis

Não tenho talento para atuar mas se tivesse me tornado atriz me interessaria por papéis complexos, personagens cheias de camadas; Nada de personagens tolinhas e sem graça – não, senhor! Eu iria querer ser Alex Forrest, Isabelle de Merteuil, Patricia Hewes (adoro Glenn Close), Ada McGrath, Marla Singer, Maria Madalena, Sarah Pierce; Irmã Aloysius Beauvier, Nina Sayers, Lisbeth Salander – nada de papéis simples.

Entretanto, quando o assunto é bolos os prefiro purinhos, com apenas um toque de baunilha e uma cobertura simples como este bolo amanteigado ou então sem cobertura nenhuma como o favorito do Elvis: nada de extravagante ou complexo no quesito sabor mas com uma textura tão macia que é fácil dizer que se trata de um dos melhores bolos que já provei.

Elvis Presley's favorite pound cake / O bolo favorito do Elvis

O bolo favorito de Elvis Presley
da fantástica bíblia de receitas da Gourmet

- xícara medidora de 240ml

3 xícaras (360g) de farinha de bolos* – peneire antes de medir
¾ colher (chá) de sal
1 xícara (226g) de manteiga sem sal, amolecida
3 xícaras (600g) de açúcar cristal, de preferência orgânico
7 ovos grandes, temperatura ambiente
2 colheres (chá) de extrato de baunilha
1 xícara (240ml) de creme de leite fresco
açúcar de confeiteiro, para polvilhar (opcional)

Unte generosamente com manteiga e enfarinhe uma forma de furo central de 25cm de diâmetro (com 11,2cm de altura) ou uma forma canelada, do tipo Bundt, com capacidade para 12 xícaras de massa**.
Peneire a farinha e o sal juntos duas vezes. Reserve.
Na tigela grande da batedeira bata a manteiga e o açúcar em velocidade médio-alta até obter um creme claro e fofo. Junte os ovos, um a um, batendo bem a cada adição. Junte a baunilha.
Reduza para a velocidade baixa e acrescente metade da mistura de farinha, seguida de todo o creme de leite e o restante da farinha, batendo bem a cada adição. Raspe as laterais da tigela e então bata a massa em velocidade médio-alta por 5 minutos – a massa vai ficar bem cremosa e sedosa.
Transfira a massa para a forma preparada e bata-a levemente sobre a pia uma ou duas vezes para remover bolhas de ar. Coloque a forma no forno ainda frio e acenda-o na temperatura de 180°C***. Asse até que o bolo cresça e doure, por 1 hora a 1 hora e 25 minutos (faça o teste do palito: ele deverá sair com alguns farelinhos de bolo). Deixe o bolo esfriar dentro da forma sobre uma gradinha por 30 minutos. Em seguida, desenforme com cuidado sobre a gradinha, passando uma faquinha nas laterais da forma se necessário (não precisei fazer isso - o meu bolo praticamente pulou da forma). Deixe esfriar completamente.
Polvilhe com açúcar de confeiteiro se desejar.
O bolo pode ser guardado bem embrulhado em plástico ou em um recipiente hermético, em temperatura ambiente, por até 5 dias.

* farinha para bolos caseira: retire 2 colheres (sopa) de 1 xícara (140g) de farinha de trigo comum e adicione 2 colheres (sopa) de amido de milho

** usei esta forma (25cm) mas a massa não coube – dividi o restante entre três forminhas de bolo inglês com capacidade para 1/3 xícara (80ml) cada

*** não li a receita direito e acabei assando o bolo em forno pré-aquecido (180°C) por 1 hora

Rend.: 10-12 porções

41 comentários:

Rita disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Rita disse...

Ai, querida, de repente me toquei que meu comentário tinha spoiler do livro, aff! Desculpa, tá. Apaguei. :-)

bj
rita

Anônimo disse...

Que bolo lindo as fotos do seu blog sempre ficam lindas ! Bj

Kel disse...

hummm... esse eu testo hoje!
a criançada aqui de casa agradece!! :D
adorei a foto, como sempre!
Bjs,

borboleta africana disse...

Deliciosamente perfeito.



nota: creme de leite (que não encontro em Lisboa) pode ser substituído por natas?

Cíntia A. S. Sevaux disse...

Paty, não estou vencendo fazer seus bolos, é um melhor que outro, tem uns 4 na lista para fazer e vc me vem com esse..rsrsrsmeu marido é fã do elvis, não tem como não fazer...rsrsrs depois te dou notícias...bjinhos!!!!

Nathalia disse...

Patrícia, só uma dúvida: posso usar açúcar demerara???

Parabéns pelo blog! Já engordei meu marido em 5kg com suas receitas!!

Bjs

tatiane disse...

Pat, tinha visto essa receita numas andanças pelo epicurious. Me acovardei pela quantidade de manteiga e creme de leite, mas agora vendo seu bolo vou preparar quando tiver mais bocas para dividir :)
beijos

Sandreane disse...

Lindo bolo :)
bjs!

Bruna do Gourmandisme disse...

Nossa, incrível como dá para notar a maciez do bolo através da foto! Adorei!

camilla disse...

nossa adoro bolo sequinho....acho que vou fazer no final de semana. Parabéns pelas fotos de encher os olhos...dá vontade de puxar da tela o bolo e comer...rsrs...
abraços
camilla

gpoulain disse...

Sou apaixonado pela Glenn Close, adoro os personagens que citou e todo ano torço pra ela ganhar todos os prêmios por Damages!

Mal posso esperar pra ver Albert Nobbs, com ela também. E seu bolo ficou lindo!

Ameixinha disse...

O interior tem uma textura fantástica Estes também são os meus bolos favoritos, descomplicar é essencial. Deixam-se as complicações para outras actuações ;)

Zaira Portela disse...

Olá Patrícia!

Sigo o seu blog não é de hoje, me inspiro muito nelas, e copio bastante! Amo seu blog!!

Eu tava olhando outras receitas suas, e percebi que aqui na Bahia não há muitos desses ingredientes (mirtilo, framboesas, água de rosas, favo de baunilha: preciso de uma loja gourmet por favoooor!). então surgiu uma grande dúvida em mim: tem como fazer água de rosas em casa? (as outras coisas eu sei que não dá mesmo pra achar por aqui e nem plantar, e essas receitas com água de rosas chamam muito o meu apetite!)
Você tem como me dar uma pequena luz sobre isso? :)
Mais uma vez: AMO o seu blog!

Abs,
Zaira

Andrea - Sweet and Saucy disse...

Olá, Patrícia!

A Glenn Close arrasa, não é?! Adorei sua escolha de papéis, se você fosse atriz!

Mas aposto que se Glenn Close fosse chef/culinarista/boleira/ doceira/apaixonada por comida/ou sei lá o que mais, ela faria bolos tão lindos e deliciosos como os seus!

E, como sempre, suas fotos estão divinas!

Anônimo disse...

Oi Patrícia,

Quero fazer este bolo que parece estar delicioso. Porém, notei que você não usou fermento em pó.
Obolo não contém fermento ou você esqueceu?!?!
Aguardo resposta.
Um abraço,
Mércia Muniz

Luciana disse...

Nossa, que vontade de dar uma mordida nesse bolo!! rsrs
Também amo bolo simples, com um cafezinho então...
Abraços,
Luciana Leal

Anônimo disse...

ei Patricia! amo seu blog! me responde uma dúvida, esse bolo fica bom para rechear? recheio de baunilha com morangos confit? beijosss
Julia

Fernanda Passos disse...

A textura dá pra provar pela foto hummmmmm, linda como sempre... Mais um na minha lista de 'to do'.

Eliana Pinta e Borda disse...

Só pela excelente foto, vi que este deve ser mais um destes bolos perfeitos que vc sempre indica!!!!!!Já faço e depois te conto!!!!! Já te contei.né, que aquela cuca de canela é TDB!!!!!!!Show de maciez e deliciosa!!!!! Bjksss agradecidas

Nereime disse...

Pat, postei sua receita de crumble de banana que gostosura, coloquei o link devido!
Como é gostoso ler seus posts você já pensou em escrever um livro?Pois deveria!Eu também entro para esta turma dos bolos clássicos tal qual vc e o Elvis, principalmente se for com cafezinho!!!
beijos linda

Marmita disse...

Ficou super alto.. gostei bastante! obrigado por partilhares! um beijo da Marmita

Patricia Scarpin disse...

Cíntia, meu marido tb adora Elvis! :D
Beijo!

Nathalia, o sabor do demerara é mais pronunciado, lembra o melado - não vai ficar igual, tá?
Beijo!

Zaira, infelizmente não é possível fazer água de rosas em casa, mas se você conseguir algumas favas de baunilha vai poder fazer o extrato em casa e é maravilhoso.
Beijo!

Mércia, a receita não leva fermento mesmo.

Nathalia disse...

Patrícia, mesmo com o açúcar demerara o bolo ficou perfeito!! Fofinho demais! Bjs

Laís Alvitos disse...

Esse seu bolinho está sendo feito no meu forno agora mesmo!!!

Parabéns pelo blog! Suas receitas são deliciosas, quando quero algo infalível, procuro aqui!

Beijo

Elane disse...

conhece este site: http://www.howtoeatacupcake.net/ está desativado pq a dona montou uma padaria. mas tem várias receitas legais de tortas, bolos, pão e cupcakes. dá uma olhada.

Ana Pfeiffer disse...

Adoro o seu blog. Hoje fiz esse bolo. Que delícia !!!! Meus filhos fizeram até o seguinte comentário: "O Elvis sabia das coisas!!" Obrigada por compartilhar conosco essas receitas maravilhosas. Bjs

Patricia Scarpin disse...

Nathalia, que notícia boa, menina! Adorei saber - obrigada por me contar, beijo!

Elane, obrigada pela dica! Eu acompanhei esse blog por muitos meses mas já tinha me esquecido dele.

Ana, morri de rir com o comentário dos teus filhos - obrigada por me contar que a receita deu certo, amei saber!
Beijo!

Débora disse...

Eu fiz q nao deu certo.. afundou e ficou oleoso... =/
Será q foi pq nao tem fermento na receita?

Anônimo disse...

Olá Patrícia,
Sou uma seguidora anônima do seu blog ( e muito fã).
Tenho uma dúvida em relação a essa receita: devo tirar 2 colheres (sopa) de cada xícara de farinha ( e substituí-las por amido de milho) ou 2 colheres (sopa) de apenas 1 xícara das 3? Quero muito fazer esse bolo mas estou um pouco insegura em relação a isso. Apesar de não ser uma garotinha, em relação à cozinha sou bem principiante (rsrsrs).
Parabéns pelo blog. Ele é um grande estímulo para que tenhamos coragem de enfrentar as caçarolas.
Um abraço,
Ivana

Laryssa disse...

OI Patrícia.
É linda a maneira como você consegue conectar coisas que gosta, como o cinema, com a sua paixão pelos bolos!
Que belo "conjunto" de personagens! Ficaria bem balançada entre ser a frágil Nina ou a decidida-e violenta- Lisbeth.Muito difícil. E Marla tem sua graça na loucura.
Há pouco tempo terminei A menina que Brincava com Fogo e estou cada dia mais fascinada com a complexidade desse personagem.
Teu blog também é assim, várias camadas: cinema, seriados, histórias lindas da infância e aromas.Digno de um Oscar.
Parabéns.

Patricia Scarpin disse...

Débora, o fermento não tem nada a ver com o problema do seu bolo. Bolo que afunda é sinal de forno quente demais.
A receita NÃO leva fermento.

Ivana, a receita é para preparar 1 xícara de farinha para bolo.

Laryssa, comece logo o terceiro livro, é ótimo! Depois me conte. Beijo!

Débora disse...

Ah.... bom saber.... Obrigada pelo retorno!

Carol Coelho disse...

Nossa, seu blog é maravilhoso!

Elo disse...

Tá no forno, lindo, lindo, creceu horrores, o cheiro tomou conta da casa. Adorei um bolo que consigo encontrar todos os ingredientes por aqui. Amo as receitas com maracuja e outras frutas tropicais, mas aqui na Alemanha a disponibilidade nao é a mesma que para vcs. Beijos e obrigada pela receita

Patricia Scarpin disse...

Elo, que notícia boa, menina! Espero que a sua família tenha gostado do bolo. Beijo e obrigada a você pelo feedback!

Elo disse...

Patricia, o marido adorou, e as amigas que vieram tomar um café comigo, ficaram elogiando horrores, até a sogra disse que ficou bom (e ela nunca gosta de nada).... Adorei, fácil, simples e delicioso...

Patricia Scarpin disse...

Oi, Elo! Que notícia maravihosa, adorei! Esse bolo é simples porém fica bem gostoso. Fico feliz sabendo que a receita deu certo para você.
Beijo e obrigada por voltar aqui para me contar!

Letícia disse...

Patrícia, sempre acompanho seu posts pelo feed então quase nunca comento haha fiz o bolo hoje mas ele ficou com textura de pudim, não sei o que aconteceu/o que eu fiz de errado. Vou dormir com as lombrigas doidas mas fazer o que né haha Beijos

Rosana Godoi disse...

Bom dia Patrícia!
Gostaria de saber se posso substituir o creme de leite fresco por creme de leite em lata.
obrigada!

Patricia Scarpin disse...

Oi, Rosana!
Não, infelizmente não funciona.
Bj!

Related Posts with Thumbnails