segunda-feira, janeiro 11, 2010

Tortas de cereja e amora

English version

Free form cherry and blackberry pies / Tortas de cereja e amora

Se vocês são como eu, ficaram loucos com o montão de cerejas frescas nos mercados no final de ano: lá em casa foram vários saquinhos, alguns degustados ao natural – delícia – outros transformados em receitas.

Depois de uma boa conversa por email com a Ana sobre a sua saga em busca de um processador – eu também queria um, mas não sabia com certeza se deveria comprá-lo – resolvi me dar um de presente. Tenho usado bastante o aparelho e até me arrependo por não tê-lo comprado antes – foi moleza demais fazer a massinha destas tortas usando o danado. :)

Free form cherry and blackberry pies / Tortas de cereja e amora

Tortas de cereja e amora
adaptada da Donna Hay magazine

- xícara medidora de 240ml

Massa:
1/3 xícara (75g) de manteiga sem sal, gelada e picada
1 xícara + 1 colher (sopa) - 150g - de farinha de trigo
½ colheres (sopa) de açúcar refinado
1-1 ½ colheres (sopa) de água gelada

Recheio:
1 xícara de cerejas frescas, sem os caroços, cortadas ao meio
1 xícara de amoras
1 ½ colheres (sopa) de amido de milho
2 ½ colheres (sopa) de açúcar refinado
raspas da casca de 1 limão siciliano pequeno
2 colheres (sopa) de farinha de amêndoas (amêndoas moídas)
1 colher (sopa) de açúcar refinado, extra

Para a massa: coloque a manteiga, a farinha e o açúcar no processador de alimentos e processe até obter uma farofa grossa. Com o aparelho ligado, acrescente a água gelada aos poucos, até obter uma massa – você talvez não use toda a água, ou precise de um pouquinho mais. Forme uma bola e embrulha em filme plástico. Leve à geladeira por 30 minutos.
Prepare o recheio: coloque as cerejas e as amores numa tigela, peneire o amido de milho sobre elas e acrescente o açúcar e as raspas de limão. Misture ligeiramente.
Divida a massa em duas partes iguais e abra cada uma delas numa superfície ligeiramente enfarinhada até obter a espessura de 3mm. Com cuidado, transfira cada disco de massa para uma assadeira grande, forrada com papel manteiga. Polvilhe a massa com a farinha de amêndoa. Divida o recheio entre os discos de massa colocando-o bem no centro, fazendo um montinho, e em seguida polvilhe as frutas com o açúcar extra. Dobre as extremidades da massa formando uma beirada, cobrindo parte do recheio. Leve à geladeira por 20 minutos.
Pré-aqueça o forno a 200°C. Asse por 25-30 minutos ou até a massa dourar e ficar crocante.
Sirva morninhas com sorvete de baunilha.

Rend.: 2 porções

16 comentários:

Ana Elisa disse...

Nossa, e não é mesmo? Acabou completamente a preguiça de fazer massa de torta no calor! :) Que bom que no fim também deu certo para vc! Ah, só um aviso: NÃO DEIXE A TIGELA CAIR NO CHÃO! A minha caiu de quina e rachou de uma ponta a outra, antes mesmo do Natal, e tive de comprar outra. :( Agora imagina só se tivesse comprado um modelo importado!! Nunca mais encontraria uma tigela para substituir...
(Aqui em casa todas as cerejas que sobraram viraram clafoutis!)

Beijos,
Ana.

Sarinha disse...

Ah..tb acabei de comprar um processador e tenho o mesmo arrependimento que vc! hehehe

As tortinhas estão de babar!

Fiz mais uma receitinha tua..passa lá no blog pra conferir, Pat!

Beijos e otima semana!

Quéroul disse...

cereja é coisa divina! a gente se acabou aqui também com as promoções pós-natal, hahaha.
que tortinhas lindas; acho que eu nunca comi tortinha de fruta só com as frutinhas mesmo... sempre rola aquele creminho junto. acho que assim deve ser mais gostoso, quase uma geléia, né?

(quanto aos biografados... olha, Tim Maia era um pé no saco, e eu não sabia daquela declaração porca dele que vc comentou. nojo³. já dos filhos do Simonal eu pouco sei - só o que tem no livro - e também não me interesso, hahaha. eu, de verdade, acho essa cena musical nacional muito pentelha, não gosto. mas, e a curiosidade de saber da vida alheia, como fica? biografia = amor :D)

Babette disse...

Que delícia....
E os olhos aqui tb comem: bonito bonito!
Vou anotar para experimentar!
Uma visitante assídua do outro lado do atlântico,
Babette, do Blog "A festa de Babette"

ameixa seca disse...

Tem um aspecto delicioso. Pena que as amoras e cerejas sejam artigos de luxo por aqui... mas são tão lindinhas e saborosas. Valem cada tostão, né?

monica disse...

Eu tbm me acabei nas cerejas,pois em Belem so as vemos na epoca de Natal entao faço estoque e congelo!!kk
Fiz seus brownies de Ovomaltine e se eu soubesse como colocaria a foto aqui pra vc ver!Ficaram divinos nao restou nada!!!Beijos.

Livia disse...

Não preciso nem dizer que estou cheeeeia de água na boca!

Huuuum
Mais uma receita para eu tentar fazer!

bjuuus

Fernanda disse...

Nossa Pati, que delícia de receita. Gosto tanto dessas cerejas que fico até triste por só conseguir compra-las no fim do ano. Acho as em conserva uma ofensa ao paladar. Que mal lhe pergunte, qual processador você comprou? Estou louca atrás de um, mas comprar coisa de qualidade ta cada vez mais difícil.. Ah, seu brownie de ovomaltine fez o maior sucesso, não só com o namorado, mas também com a cunhada grávida ;)

Beijos

Fabiana disse...

Que delícia de tortinha!
Awui nem em pensamento eu encontro cerejas frescas, rs.

Bjs!

tatiane disse...

Comigo cereja não consegue ficar tempo suficiente para virar ingrediente, rs. Até tentei guardar para fazer aquele seu sorvete, mas comi tudo. Quem sabe no final do ano :(

bjs

Renata disse...

Ótima ideia Pat! Aliás, estão vendendo as cerejas aqui a preço de banana!!! Comprei um pacote mas fiz uns shortbreads.. Parece que vou ter que voltar ao mercado!

Quanto ao processador, minha avó me deu o dela no ano passado e eu realmente não acho um fardo ter que guardá-lo aqui - muito pelo contrário. Uso até para ralar os legumes e queijos. Mais versátil impossível!

Bjs

Paulo RT disse...

Que maravilha!
clap clap clap
simples, lindo, fácil e sofisticado. Enfim, perfeito.

Patricia Scarpin disse...

Ana, é realmente super prático - prepare-se para ver muitas tortas por aqui agora. :)
Que dó da sua tigela! Ainda bem que você conseguiu repor rapidamente.
E agora eu quero comer clafoutis também - pára de me tentar, mocinha! :)
Beijoca!

Sarinha, fui lá e adorei!
Beijo grande!

Quéroul, é divina, sim, você resumiu perfeitamente! Ontem vi umas propagandas na TV, ainda dá pra encontrar algumas com preços bons, vou correr lá. :)
Eu também sempre comia com o creminho e confesso que gostei mais destas aqui!

Babette, obrigada - espero que você goste!
Beijo!

Ameixa, sério? Aqui também são caras - mas de vez em quando a gente faz um sacrifício. ;)
Beijo!

Monica, também vou congelar algumas!
Que bom que gostou dos brownies, obrigada por me contar!
Beijo!

Livia, espero que goste, querida!
xx

Fernanda, aquelas cerejas ao maraschino são uma vergonha - eca!
Comprei um da Walita - dois em um, processador e liquidificador.
Ah, e obrigada por me contar do brownie, amei saber!
Super beijo!

Fabiana, que pena!

Tati, eu comi várias enquanto preparava estas tortinhas - prejuízo! :)
Ontem vi umas propagandas na TV (Walmart, Extra) e ainda tem cereja pra vender, o preço está ótimo. Corre lá, querida!
xx

Renata, fiquei curiosa com os teus shortbreads!
Que bom que você está usando o processador - eu estou apaixonada pelo meu. :)
Beijo!

Paulo, obrigada pela visita!

moranguita disse...

ai quando for altura das cerejinhas vou experimentar
esta a deixar-me com agua na boca
beijinhos

Ana Bárbara disse...

Que marca vc comprou? Também preciso de um.

Patricia Scarpin disse...

Ana, comprei Walita.

Related Posts with Thumbnails