sexta-feira, novembro 04, 2011

Torta de tomate

English version

Tomato tart / Torta de tomate

Algumas coisas me lembram outras de maneira instantânea (e à vezes elas estão relacionadas de alguma forma): da primeira vez que assisti a “A Cela” – sei que parece loucura ver um filme com a J. Lo mais de uma vez, mas Vincent D’Onofrio e o diretor tornaram isso possível – achei o “uniforme” vermelho (que ela usa para entrar na mente de outras pessoas) bem parecido com a armadura medieval usada por Gary Oldman no início de “Drácula” (anos depois li que Eiko Ishioka fora responsável pelo figurino de ambos os filmes) :)

Esta torta, enquanto estava no forno, perfumou meu apartamento com um cheirinho de pizza delicioso; apesar das similaridades de aroma e ingredientes trata-se de algo completamente diferente de uma pizza – algo que eu acho que vocês deveriam experimentar. ;)

Torta de tomate
um nadinha adaptado do maravilhoso Martha Stewart's Baking Handbook

- xícara medidora de 240ml

Massa (pâte brisée):
2 ½ xícaras (350g) de farinha de trigo
1 colher (chá) de sal
1 xícara (226g) de manteiga sem sal, gelada e em cubinhos
¼ xícara (60ml) de água gelada + um pouquinho extra, se necessário

Torta:
1 cabeça de alho
1 colher (sopa) de azeite de oliva extra-virgem
½ receita de pâte brisée (receita acima)
1 xícara de queijo fontina ralado (cerca de 85g), ou outro queijo que derreta bem
3-4 tomates, maduros porém firmes, em fatias de 6mm
sal e pimenta do reino moída na hora
alguns galhinhos de tomilho fresco

Comece preparando a massa da torta (pâte brisée): coloque a farinha e o sal no processador de alimentos e pulse para misturar. Junte a manteiga e pulse novamente até obter uma farofa grossa, com alguns carocinhos maiores de manteiga, cerca de 10 segundos. Com o processador ligado, junte a água aos poucos, em fio, processando somente até que uma massa comece a se formar sem que fique grudenta – não processe por mais de 30 segundos. Aperte um pouquinho da passa entre os dedos – se ainda estiver esfarelando demais junte mais água, 1 colher (sopa) por vez.
Forme uma bola com a massa, divida em duas partes iguais, achate formando discos e embrulhe em filme plástico. Leve à geladeira por pelo menos 1 hora ou de um dia para o outro; a massa pode ser congelada por até 1 mês – descongele na geladeira de um dia para o outro antes de usar.
Pré-aqueça o forno a 180°C. Coloque o alho em um pedaço grande de papel alumínio, regue com o azeite e feche o papel, apertando bem as extremidades para que o azeite não vaze. Coloque o pacotinho em uma assadeira pequena e leve ao forno por cerca de 45 minutos ou até que o alho esteja macio. Retire do forno e reserve. Assim que conseguir manusear o alho sem se queimar, remova a polpa das cascas, coloque em um pratinho e massa com um garfo (reserve o azeite que ficou no papel alumínio).
Agora, abra a massa entre dois pedaços grandes de papel manteiga levemente enfarinhados até obter um retângulo de aproximadamente 35x15cm. Transfira para uma forma de torta de 30x10cm levemente untada com manteiga e pressione cuidadosamente com os dedos, preenchendo toda a forma com a massa. Retire os excessos com uma faquinha afiada e fure toda a massa com um garfo. Leve ao freezer por 40 minutos.
Pré-aqueça o forno a 220°C. Espalhe o alho por todo o fundo da massa de torta. Salpique com ½ xícara de queijo fontina e em seguida arrume as fatias de tomate sobre o queijo. Tempere com sal e pimenta. Espalhe alguns galhinhos de tomilho sobre os tomates e cubra com o queijo restante. Regue com o azeite de alho reservado e leve ao forno por 35-40 minutos ou até que a massa doure e os tomates fiquem macios, mas ainda mantenham sua forma. Deixe esfriar na forma, sobre uma gradinha, por 20 minutos e então sirva.

Rend.: 2 porções generosas

24 comentários:

Rachel disse...

bom aspecto e mesmo boa para comer nestes dias frios.
bjs

Marmita disse...

Adorei.. como adoro tomate nem digo mais nada! Fotografia fantastica!

Simples Assim disse...

Oi Patrícia,
Suas receitas sempre são deliciosas.
Essa, com certeza, será testada.
Bj e bom fim de semana,
Lylia

Mariana disse...

Que maravilha Patrícia! Adoro quando você faz pratos salgados, só o que há de melhor!! Parabéns pelo blog e sucesso sempre. Sou fãzoca dos doces que faz. São lindos!! bjsss

Alvarez com Z disse...

Hmmmm, parece realmente deliciosa!
e bem fácil de fazer...quem sabe será a receitinha do final de semana?!rsrsrs

Parabéns pelo blog e fotos, acho uma graça hehehehe *

beijãozão*

Jo Andrade disse...

bom dia, com certaze vou fazer.

Temperaria - Vivian Luiz disse...

Patrícia, essa torta deve ficar deliciosa. Acho que vou fazer e colocar um pouquinho de manjericão roxo :D
Beijos e boa sexta para você!

Fê Dayrell disse...

Adorei a torta e ficou simplesmente maravilhosa, de comer com os olhos.
Bjo

Luna disse...

Ai, Pat, essa torta é um crime pra minha fome de fim de tarde! :D

Letrícia disse...

Ai, preciso fazer essa torta. PRECISO.

Beijo, linda! Bom fim de semana!

Ana Paula disse...

Ai, Patrícia...que linda esta torta...ao abrir o blog, me espantei! Deve ser "delicious" também! Como diz a Fê Dayrell...de comer com os olhos!

Mylena M. disse...

Nossa, ficou linda a torta *-*
Adoooooro tomate! Do tipo que faz pizza SÓ de tomate e mussarela no final de semana! suashuasuahsuas
Vou tentar fazer uma versão dela mais light, com farinha integral e um queijo menos gorduroso que mussarela e depois conto se deu certo :)

Cristina disse...

Linda torta, apresentação impecável, como sempre!!
Adorei a receita e já está anotada!!
Bom fds...

Anônimo disse...

Voce ligou o forno por 45 minutos para 'um dente de alho' somente...Nossa..

Kristy atenas20082ibest.com.br

Lari/Jê disse...

Hummm!

Apetitoso!

Amei!
Bom Domingo!
Beijo JÊ

tatiane disse...

Como ficou linda a torta nesse formato! Deve ser bem mas fácil cortar os pedaços assim.
beijos, querida

Anônimo disse...

Kristy, a Patricia deixou uma cabeça inteira de alho no forno, nao foi só um dente... ó lá na receita, tá super explicadinho.
A torta parece ser divina!
Bjokss!

Liz

Patricia Scarpin disse...

Kristy, você está incomodada? Que pagar a minha conta de gás? Te mando a conta se quiser. Aproveite e releia a receita porque as sua aptidão para leitura está um pouco falha.

wair de paula disse...

Patricia, receita certa na hora exata. Car metade acaba de assumir um proto-vegetarianismo, o que limitou minhas ações em 80/85%. Vou fazer esta receita e depois conto. Tis e abraços

Anônimo disse...

Patricia suas receitas, seu blog enfim, é maravilhoso, e deveria ser"tombado"como bem público.Estou fazendo esta torta pela segunda vez, em menos de uma semana.Abracos

Jô Giaretta disse...

oi patrícia, primeiramente parabéns pelo blog, sou nova por aqui. encontrei-a fazendo pesquisas sobre música e gastronomia e, como seu blog faz alusão à uma música d'os mutantes, rá, dei de cara com essa maravilha! fiz a receita ontém mesmo, mas confesso que não fiz o alho, preguiça mesmo, rs, mas mesmo assim ficou divina! como estávamos em bastante gente, coloquei 2 palmitos em rodelas por cima dos tomates. ficou ótimo! gostei das dicas da massa, sempre fico na dúvida se rola congelar o patê brisée ou não. mais uma vez parabéns pelo blog e logo menos escolherei outra linda receita daqui :) beijos

Patricia Scarpin disse...

Oi, Jô, tudo bem? Menina, que bom que você está gostando do blog (desconheço a música dos Mutantes). Adorei a idéia de colocar palmito na torta, que delícia! Obrigada por vir me contar o resultado da receita. Beijo!

Marisa disse...

Fiz e ficou maravilhosa! Eu e a minha mãe comemos a torta inteira. Reduzi apenas um pouco a quantidade da alho para não ficar tão forte! :-)

Patricia Scarpin disse...

Marisa, que bom que vcs duas gostaram da torta! Tia Martha raramente desaponta, né? Bj!

Related Posts with Thumbnails