quinta-feira, julho 28, 2011

Torta de morango, água de rosas e avelã, música e um bônus culinário

English version

Strawberry and rose hazelnut tart / Torta de morango, água de rosas e avelã

Quanto eu tinha 10 anos ganhei o álbum Arena de uma prima que amo muito. Eu costumava ouvir o disco o tempo inteiro, todos os dias. Ainda tenho o vinil mas como não tenho toca-discos comprei o CD há alguns anos – adoro ouvi-lo enquanto dirijo para o trabalho ou voltando dele. É tão bom.
O CD tem duas faixas bônus, mas infelizmente “Girls on Film” e “Rio” são canções das quais nunca gostei (e continuo não gostando).

Como um dos meus discos mais queridos e favoritos, esta receita tem um bônus, também, mas neste caso é ótimo: além de uma torta deliciosa e refrescante de sobremesa, fiz também biscoitinhos super gostosos usando as sobras da massa. Os cookies são tão bons que dá até pra considerar adiar o preparo da torta completa e ficar só com a massa. :)

Torta de morango, água de rosas e avelã
um nadinha adaptada da sempre absurdamente linda e gostosa Australian Gourmet Traveller

- xícara medidora de 240ml

Massa de avelã e especiarias:
¾ xícara + ½ colher (sopa)- 176g - de manteiga sem sal, amolecida
1 xícara + 1 colher (sopa) - 148g - de açúcar de confeiteiro, peneirado
raspas da casca de 1 laranja
3 gemas
1 ¾ xícaras + ½ colheres (sopa) - 250g - de farinha de trigo
¾ xícara (75g) de farinha de avelãs (avelãs finamente moídas)
¾ xícara (75g) de farinha de amêndoas (amêndoas finamente moídas)
1 colher (chá) de canela em pó
½ colher (chá) de noz-moscada moída na hora
1 colher (chá) de fermento em pó

Recheio:
700g de morangos, sem os cabinhos e grosseiramente picados
1/3 xícara + ½ colher (sopa) - 72g - de açúcar refinado*
¼ xícara (30g) de amido de milho
raspas da casca + o suco de ½ laranja
3 colheres (chá)s de água de rosas
1 fava de baunilha, somente as sementinhas – abra a fava no sentido do comprimento e raspe as sementinhas com as costas da faca
creme de leite fresco, para pincelar
açúcar de confeiteiro, para polvilhar
creme de leite fresco batido ou crème fraîche, para servir

Comece preparando a massa: bata a manteiga, o açúcar de confeiteiro e as raspas de laranja na tigela grande da batedeira até obter uma mistura cremosa. Junte as gemas e bata para incorporar. Acrescente os ingredientes restantes e misture somente até combiná-los. Forme um disco com a massa, embrulhe em filme plástico e leve à geladeira até firmar (2-3 horas).
Abra 2/3 da massa entre dois pedaços grandes de papel manteiga levemente enfarinhados até obter a espessura de 3mm. Forre uma forma para tortas de 24cm de diâmetro, de fundo removível, com a massa e remova o excesso com uma faquinha. Fure toda a massa com um garfo e leve ao freezer até firmar (15 minutos). Abra o restante da massa entre dois pedaços grandes de papel manteiga levemente enfarinhados até obter um retângulo rústico de aproximadamente 24cm de comprimento. Mantenha a massa entre os pedaços de papel, coloque dentro de uma assadeira grande e leve à geladeira até firmar (15-20 minutos).
Pré-aqueça o forno a 180°C. Em uma tigela grande, misture os morangos, o açúcar, o amido de milho, as raspas e o suco de laranja e as sementinhas de baunilha. Transfira o recheio para a forma forrada de massa.
Retire o retângulo de massa da geladeira e remova o papel manteiga do topo da massa. Com o auxílio de um cortador de biscoitos da sua preferência, corte vários formatos da massa (o que usei tinha formato de gota e aproximadamente 3cm de comprimento). Arrume os cortes de massa sobre o recheio de morangos, de maneira aleatória, deixando uma parte do recheio aparente**. Pincele a massa com o creme de leite, coloque a forma dentro de uma assadeira de beiradas baixas e asse até que a massa doure e fique crocante (35-40 minutos). Deixe esfriar completamente sobre uma gradinha. Polvilhe com açúcar de confeiteiro e sirva com creme de leite batido ou crème fraîche.

* depois de provar a torta achei que faltou um tantinho de açúcar no recheio – prove os morangos antes de usá-los e ajuste a quantidade de açúcar de acordo com a doçura das frutas

** juntei todos os restinhos de massa, formatei em um rolinho – como a Martha faz aqui – e congelei até firmar. Fatiei, arrumei em uma assadeira forrada com papel manteiga, deixando 5cm de distância entre um e outro. Assei em forno pré-aquecido (180°C) até que dourassem na base e consegui biscoitinhos absolutamente deliciosos!

Rend.: 10 porções

26 comentários:

Sarah Abreu disse...

Que lindeza! Mais uma pra listas do TO DO!

saboracasa disse...

só de olhar apetece uma fatia :)
está lindissima

bjs
paula

CRISTIANE LARA disse...

Oi Paty,
Sua torta está linda ! Com cara de inverno mesmo ! Bjs

Renata disse...

Que coisa mais linda esta torta!!! Adorei as pétalas de massa em cima, parabéns pela criatividade. Esta vai pra minha lista... com honras!

Mel e Fábio disse...

Hum que delicia...comprei hoje mais uma caixa de morangos e vou ter que fazer sua receita. Adoro seu blog, ja fiz varias receitas...sempre maravilhosas! Obrigada

duda lima disse...

linda e delicada!
Parabéns!

Fernanda Garcia disse...

Oi Patrícia,
Que linda sua torta!! Gostaria de fazer mas sou de BH e não sei onde posso achar a água de rosas... =/
Mas quem sabe eu não faço só os biscoitinhos, neh?

Bom, mudando de assunto, eu te sigo no twitter e você tuitou há algum tempo que gosta do seu pudim COM furinhos, e eu já tentei de T-U-D-O para conseguir reproduzir o pudim com furinhos que meu pai tanto gosta. Como você faz para seu pudim ficar com furinhos? Tem algum truque?

Beijos,

Fê.

Luciana Leal disse...

Ai que delícia de receita!!! Acho que farei esse fim-de-semana. Patrícia, uma dúvida, a massa que sobrou que vc faz os biscoitinhos, vc congela elas apenas pra poder cortar? Se for, então não preciso que elas congelem totalmente?
Ah, sabe aquela sua receita de pudim de coco e maracujá? Eu fiz semana passada, ficou uma delícia, hoje estou com uma vontade de comer ele novamente!!! Ele vicia!! rs
Beijinhos, Luciana

Jonas Marquezini disse...

Esse blog me mata de fome sempre, sou uma pessoa que tem fome quase o dia todo, é maus vontade de provar que fome... e mesmo sabendo que vou ficar com vontade venho aqui religiosamente!
Saudade de cozinhar alguma receita daqui, vou escolher uma que tenha alguma técnica que eu ainda não saiba ou não domine, pensei em merengues, eles sempre me tiram o sono, que você acha Patricia?
Bjão e bom fim de semana!

Marina Maria disse...

Oi Pat, ficou lindona a torta! Deu para sentir o perfume daqui. Eu tenho sempre uma dúvida com receitas que levam farinha de amêndoas ou avelãs. Para fazer em casa, você sabe qual é a proporção de amêndoas para a farinha? Por exemplos, 100 gramas de amêndoas inteiras daria quanto de farinha?

Ah, e pra Fernanda Garcia, também sou de BH e encontro água de rosas no Empório Vila Árabe na Dona Hana, no Mercado Central.

Um beijo!

Rosana Xavier disse...

Que apresentação de torta m a r a v i l h o s a !!!!!
E já está noas minhas preferidas, qdo fizer te digo se ficou boa !!!!
Bjs
Rosana

Grazi disse...

oi querida, vou fazê-la!! será que tem problemas colocar só faria de amendoas e omitir a de avelas na mesma medida?
beijos, Deus abençoe

Patricia Scarpin disse...

Fernanda, o lance dos furinhos me atormenta! Eu não sei como os faço, acredita? No caderno Paladar do Estadão de ontem tem umas dicas, dá uma olhadinha no site deles, talvez te ajude.
Beijo!

Luciana, eu congelo apenas para poder fatiá-los mais facilmente. Vc pode guardar o rolinho de massa no freezer (bem embrulhadinho) por até 1 mês. Ah, amei saber do pudim!
Beijo!

Oi, Jonas! Que bom que vc gosta de vir aqui, fico feliz!
Eu só consegui suspiros decentes depois que comecei a usar um termômetro de forno. Fica a dica!
Beijo e um ótimo final de semana pra vc tb!

Marina, se vc tem 100g de amêndoas antes de moer vai ter os mesmos 100g depois de moê-las...
Beijo!

Grazi, não tem problema nenhum - só que aí a sua torta vai ser de amêndoa e não de avelã (e vai ficar uma delícia mesmo assim). :D
Beijo!

tatiane disse...

Que linda torta, Pat! Parece folhas caídas no outono...
Minha música preferida do Duran Duran é Violence of Summer, desde os 10 anos sou doida por essa música!
beijos

Art Ralu disse...

Oi Patricia, todos os dias eu visito seu blog atras dessas coisas deliciosas que vc posta... Mas só hoje tomei coragem para postar rsrsrs e queria saber se posso colocar seu link no meu cantinho, ele é novinho, mas está sedo cuidado com muito carinho rs

marina maria disse...

Pat, acho que minha pergunta nao foi clara. Eu quis dizer a proporção de peso para volume, por exemplo, 100g de amêndoas dão quantas xícaras da farinha. Mas agora vi que a receita traz os dois tipos de medida. Desculpa a lerdeza! Hehe. Beijoca!

Kelly disse...

Para tudo...!!!!
Que espetáculo!
Amei!

bjs!!!!

www.amenidadesdekelly.blogspot.com

Cris Musolino disse...

Que torta linda!!! Parabéns!!
Estou cada vez mais apaixonada pelo seu blog!

Cristina disse...

Linda, linda, essa torta!Adorei o design final!

são33 disse...

POIS EU ADORO ESSAS DUAS MUSICAS , ÁS VEZES VOU ATÉ AO YOU TUBE MATAR SAUDADES.
ADOREI A TARTE FICOU LINDA E APOSTO QUE UMA DELICIA.
BJS

silvana disse...

Adoro seu blog e já fiz algumas de suas receitas.Gostaria de saber qual a função do creme de leite fresco sobre a massa da torta de morango. Bjs

Patricia Scarpin disse...

Art Ralu, claro que pode colocar o link! Vou lá te visitar.
xx

Silvana, eu não queria desperdiçar um ovo para pincelar a massa, então optei pelo creme de leite.

silvana disse...

Obrigada pela atenção.Não conheço as técnicas culinárias,por isso perguntei.Achei que tinha um porque.
Silvana

Patricia Scarpin disse...

Oi, Silvana, tem um porquê - para ajudar a massa a dourar no forno (o que seria o papel do ovo batido). Achei que vc tivesse entendido.

Roberta Lima disse...

Olá Patrícia!! Amei esta torta!! Minha filha ama torta de morango!! Gostaria só de saber se a farinha de avelã é feita com ela crua ou torrada e pelada?? E a água de rosas é imprescindível?? Dá para fazer sem?
Adoro visitar seu blog!! Sempre que posso dou uma paradinha por aqui!!

Patricia Scarpin disse...

Oi, Roberta!
Toste levemente as avelãs no forno, coloque-as em um pano de prato seco, feche em forma de trouxinha e esfregue bem as avelãs para que soltem a pele. Depois espere esfriar e processe no processador. A água de rosas dá um toque diferente, mas vc pode sim fazer sem ela.
Beijo!

Related Posts with Thumbnails