domingo, novembro 19, 2006

Bolo Madeira

English version

Estava de bobeira num domingo, procurando por algo bacana na TV, quando me bateu um desejo incontrolável de “bater um bolinho”, como diz a querida Dadivosa!

Folheei alguns livros, mas sempre que alguma foto me fazia pensar “é esse!”, me dava conta de que faltava algum ingrediente. Minha geladeira estava meio pobrinha, é verdade...

Encontrei duas receitas de um bolo bem basiquinho, chamado Madeira. Apesar de adorar este livrinho, optei pela outra receita por duas razões: o uso de amêndoas moídas (amo amêndoas) e por se tratar de uma receita da Donna Hay. Essa mulher é uma Midas dos tempos modernos, podem acreditar.

O bolo ficou meio baixinho – eu não tinha uma forma de bolo inglês do tamanho correto, daí decidi usar uma forma redonda, mesmo (25cm de diâmetro).

Apesar de “básico”, o sabor é ótimo, gostei bastante do resultado! Como adoro coisas cítricas, espremi limão em cima das fatias antes de comê-las. A textura do bolo permitia que todo o suco fosse absorvido – delícia!

Bolo Madeira

170g de manteiga sem sal, amolecida
170g de açúcar
1 colher (sopa) de raspas de casca de limão siciliano*
3 ovos
1 ½ colher (sopa) de suco de limão siciliano* – usei 3 colheres (sopa)
100g de farinha de trigo
¾ colher (chá) de fermento em pó
75g de amêndoas finamente moídas

Pré-aqueça o forno a 170ºC. Unte uma forma de bolo inglês (10x20cm) e forre o fundo com papel manteiga. Unte o papel e polvilhe farinha de trigo.
Usando a batedeira, bata a manteiga, o açúcar e as raspas de limão até obter um creme leve. Acrescente gradualmente os ovos e o suco de limão e bata bem. Peneire a farinha e o fermento por cima da mistura da tigela e incorpore. Misture as amêndoas moídas.
Coloque a massa na forma e asse por 45 minutos (faça o teste do palito).
Deixe na forma por 5 minutos e desenforme numa grelha – não tenho grelha, por isso deixei esfriar na forma por 15 minutos e desenformei diretamente em um prato.

Rend.: 8 a 10 porções

* A Luna fez a receita com o nosso limão verdinho e disse ter ficado muito bom também!

19 comentários:

valentina disse...

Pat, este bolo é muito popular por aqui.É comum se achar no supermercado , embrulhadinho de geito bem simples mesmo. Tem gente que acha que o nome é porque o bolo vem das Ilhas Madeiras.Mas na verdade a razão do nome é porque ele é perfeito acompanhamento para vinho madeira.
http://www.intowine.com/madeira.html
E vi que tua receita leva amendoas moidas o que deve te-lo feito ainda mais úmido e delicioso.

Anônimo disse...

Pat, sou frequentadora assídua do seu blog, e adooorooo! queria saber uma coisinha, como vc faz pra pedir livros pela amazon? sou um pouco leiga nesses assuntos, vale a pena? não sai mto caro?
Um beijo
Carol

valentina disse...

Desculpe mas voltei pra consertar 'geito' que está um horror. 'jeito'.Ufa!!

lunalestrie disse...

Ultimamente tenho visto tanta receita boa com amêndoas e nunca tenho em casa. Estou curiosa com essa textura úmida que elas dão, segundo a Valentina. Deve ser uma coisa...

Patricia Scarpin disse...

Valentina, querida, estava curiosa a respeito do nome, mas sempre esquecia de pesquisar. Obrigada pela info.
Ficou delicioso, amiga. Simples, porém gostoso. E gostei do pintadinho que as amêndoas com casca deixaram nele.
Ri do teu comentário gramatical. :D

Oi, Carol, que gostoso receber sua visita, obrigada! Espero que continue me visitando!
Compro pelo site deles, mesmo, e pago com cartão de crédito. É super seguro.
Antes de comprar, sempre faço uma pesquisa nos sites do Brasil e comparo os preços. Compensa, sim, especialmente uma época em que comprei vários livros, pois o dólar estava R$ 2,06.

Luna, isso acontecia comigo. Via sempre e não fazia pois não as tinha. Agora, sempre compro 100, 150g e deixo na geladeira (guarde-as assim para impedir que fiquem rançosas. Isso se aplica a nozes, castanhas, avelãs, etc.).
Apesar de o preço ser um pouco salgado, vale a pena. Eu assino embaixo o que a Val fala!

Cinara disse...

Eu sempre admirei o seu capricho, Patrícia, mas você se superou com a versão em inglês do seu blog! Isso é que é disposição! No começo eu fiquei na dúvida se escrevia em inglês, em português ou em ambos, mas a preguiça me fez deixar tudo em português mesmo. Hoje tem gente que reclama porque nem sempre tenho links das receitas em inglês nos posts... Se um dia eu criar coragem, você me explica como fez essa nova versão? Parabéns pela iniciativa e muito sucesso com sua versão in english!

Eliana Scaramal disse...

Patricia e seus bolos de matar qualquer um. hehehe Fiquei aqui tentando imaginar o sabor e a textura molhadinha aiaiaai isso não vai dar certo. hehehehe

Karen disse...

Esse é um "falso bolo básico", acho que as amêndoas sempre dão um quê a mais nos bolos! rs

Silvia Arruda disse...

Patrícia, este bolo parece ser delicioso, ainda mais que leva amêndoas... sou louca por frutas secas... preciso fazê-lo!!
Ah, quero aproveitar para te dizer que gosto muito dos seus textos, escreve bem, de maneira bem clara e gostosa!
Bjos

Akemi disse...

Patricia, este bolo deve ser muito saboroso mesmo! Adorei o toque final que você deu espremendo limão, deve dar um contraste ótimo! Também imaginava que o nome derivasse das Ilhas Madeira, que interessante! Mais uma que aprendi! O bom é que tem um vinho Madeira doce que meu marido comprou por engano que acho que será um acompanhamento perfeito! Hummmm!

Patricia Scarpin disse...

Cinara, obrigada! Fico até sem jeito com tantos elogios!
Estou aqui se precisar de alguma coisa.

Eliana, se tiver oportunidade de provar, acho que vai gostar. Qualquer bolo que leva iogurte ou amêndoas moídas na massa me conquista de cara.

Karen, concordo contigo!

Silvia, obrigada! Vindo de você, que é jornalista, fico super envaidecida!

Akemi, adoro coisas cítricas/azedas. Um perigo, amiga. Aqui em casa nunca falta limão.
Se fizer, me conta o que achou. Os teus bolos são inspiradores!

Beijos a todas!

Dadivosa disse...

Patrícia, está com uma carinha ótima. Agora escuta essa... a foto ainda não tinha carregado na página e, numa varredura rápida de olhos, tudo o que registrei foram as palavras: "bolo madeira" e "dadivosa". Tive um lampejo e comecei a rir sozinha imaginando que você podia ter se inspirado com alguma receita do Dadivosa e, num surto de atabalhoamento contraído por internet, seu bolinho tivesse ficado solado e duro, feito madeira. Pode isso? hahahahah
Felizmente a foto carregou, olhei com mais atenção o texto e descobri que você, mui prendada e boleira, produziu um belo bolo de amêndoas!
Beijos

Maria Helena disse...

oi Patricia!! Vim te visitar através da Eliana e fiquei hooooras passeando pelos links. Adorei!!

Parabéns!!!

Se vc não se importar, vou colocar seu blog nos meus favoritos.

Beijocas!!!

renata lampião disse...

Olha, esse bolo parece delicioso ! Alas, preciso colocar urgentemente minhas castanhas na gelosa.Gostei da dica.Bj

Elvira disse...

Está uma tentação, este seu bolo! :-)

Patricia Scarpin disse...

Dadi, morri de rir do teu comentário. Imagina a confusão, né?
Nunquinha que um bolo seu ia ficar duro feito pau, dear! :D

Maria Helena, espero que você volte mais vezes aqui! Obrigada!

Renata, essa dica vi num livro maravilhoso que tenho. É muito boa!

Obrigada, Elvira!

lunalestrie disse...

Patricia, cadê você? Estou com saudades dos seus posts. Ah, esses dias (talvez hoje) eu vou fazer esse bolo madeira. Aliás, tem uns 3 bolos daqui que estão na fila de espera... Beijos.

fezoca disse...

Patricia, que bolo delicioso! :-) Nao tinha lido seus ultimos posts. Eu ando perdendo posts no blogspot, sem falar que nao consigo ver as fotos, nao sei o que acontece... :-( Mas to aqui agora, tirando o atraso! ;-)
beijao,

Anônimo disse...

Puxa vida o meu tbem nao cresceu nao... que penaaa

Related Posts with Thumbnails