sexta-feira, agosto 05, 2022

Galette de alho-poró, ricota e tomate, tuítes importantes, jornada dupla e o meu e-book


Galette de alho-poró, ricota e tomate


Há algumas semanas eu estava no Twitter e uma série de tuítes da maravilhosa Aline Valek deu um nó na minha cabeça: mostro dois abaixo, mas ela postou uma sequência bem interessante. Aliás, se você não conhece o trabalho da Aline está perdendo: além de escrever e ilustrar bem à beça, a danada ainda tem um podcast ótimo chamado “Bobagens Imperdíveis” (eu não sou de podcasts e adoro o da Aline) e o curso dela no site Domestika é uma delícia:

 


Fui lendo o que Aline havia postado e uma ficha gigante caiu: comecei a lembrar do meu livro, quase pronto e esquecido havia muitos meses – nem a newsletter e nem no blog eu andava escrevendo mais. E aquilo começou a me incomodar muito, porque escrever é uma parte importante de quem eu sou, desde que me entendo por gente, e eu estava deixando de lado algo que me dá um imenso prazer. Pensei que eu mesma estava caindo no preconceito idiota de que escrever na Internet é algo menor, quando é exatamete o contrário: é incrível. Escrevo aqui no blog há mais de dezesseis anos, tenho leitoras e leitores veteraníssimos que me acompanham há muito tempo (alguns desde o começo!). Gente querida que faz minhas receitas, que me envia foto preparando bolos e cookies com seus filhos, que manda mensagens e emails cheios de afeto, que me acompanha nas redes sociais e compartilha comigo ideais de vida - é um blog de comida, sim, mas é muito mais do que isso.


Sou escritora. Não necessariamente preciso ter livro impresso para isso. Vou pegar o meu livro, que já está quase pronto, e lançar como e-book. Decidido.


No estalo que os tuítes da Aline me deram, fui atrás de alguém para diagramar o meu livrinho, e caí da cadeira quando recebi um orçamento de 15 mil reais para isso. Sim, você leu certo: 15 MIL REAIS.


Recuperada do tombo, abri o Canva e me pus a trabalhar: vou fazer o livro eu mesma. Sempre gostei de desafios e estava na hora de encarar mais um. Tenho trabalhado no projeto no meu tempo livre e, apesar de a jornada dupla secretária executiva/escritora e designer estar me deixando exausta e com uma baita dor nas costas, o resultado me anima todos os dias. Logo, logo o livrinho estará pronto e não vejo a hora de mostrar para vocês o resultado.


Enquanto isso não acontece, decidi movimentar um pouco as coisas: enviei newsletter semana passada (depois de meses sem enviar) e hoje posto uma galette bem linda e deliciosa que fiz para o livro, mas o danado está ENORME e tenho que cortar algumas coisas. Divido com vocês aqui no blog uma receita bem gostosa enquanto o livrinho não fica pronto.

 

Galette de alho-poró, ricota e tomate


 - xícara medidora de 240ml


Massa:

¾ xícara (105g) de farinha de trigo

½ xícara (70g) de farinha integral

1 colher (chá) de açúcar cristal ou refinado

½ colher (chá) de sal

1 tablete (100g) de manteiga sem sal, gelada e em cubinhos de 1cm

1 colher (sopa) de azeite de oliva extra-virgem

1 gema grande, temperatura ambiente

1 ½ colheres (sopa) de água gelada

 

Recheio:

2 colheres (sopa) de manteiga sem sal

1 alho-poró grande (100g), somente a parte mais clara, em rodelinhas

sal e pimenta do reino moída na hora

½ colher (sopa) de vinho branco seco

¾ xícara de ricota, esfarelada se estiver muito firme

3 colheres (sopa) de queijo canastra ralado grosseiramente – rale, depois meça

2 xícaras (320g) de tomates cereja, cortados ao meio no sentido do comprimento – meça, depois corte

5 raminhos de tomilho


Comece com a massa: no processador de alimentos, junte as farinhas, o açúcar e o sal e pulse para misturar. Junte a manteiga e o azeite e pulse algumas vezes, até obter uma farofa grossa. Em um potinho, misture bem a gema e a água gelada com um garfo, e acrescente ao processador, pulsado até que uma massa comece a se formar. Retire a massa do processador, forme um disco com ela e embrulhe em filme plástico. Leve à geladeira por 1 hora (pode ser feita de véspera se você quiser).


Enquanto isso, prepare o recheio: em uma frigideira antiaderente grande, derreta a manteiga e junte o alho-poró. Tempere com sal e pimenta do reino e refogue, mexendo algumas vezes, até o alho-poró amaciar. Junte o vinho branco, cozinhe por 1-2 minutos até evaporar, e então retire do fogo. Deixe esfriar completamente.


Pré-aqueça o forno a 180°C. Transfira o disco de massa para um pedaço grande de papel manteiga. Cubra com outro pedaço de papel e vá abrindo a massa com um rolo, até obter um círculo de aproximadamente 30cm de diâmetro.


Espalhe a ricota sobre a massa, deixando uma borda de cerca de 2cm. Sobre a ricota, espalhe o alho-poró refogado de maneira uniforme. Cubra com o queijo canastra, e então arrume os tomatinhos por cima.


Com cuidado, vá dobrando a massa da beirada sobre parte do recheio. Transfira a galette para uma assadeira, deslizando o papel manteiga com a torta diretamente para a assadeira.


Leve a galette à geladeira por 15 minutos. Arrume os raminhos de tomilho sobre a os tomates e leve a galette ao forno por 35-40 minutos ou até que doure bem. Sirva quente ou morna.


Rend.: 4 porções, servidas com salada ou como entrada

3 comentários:

Andrea Araújo disse...

Tão necessário esse post! Uma sacudida! Vou amar ter seu e-book. Sou das seguidoras antigas,antigas rara mais nunca me manifestei , então,nunca e tarde pra dizer: Amo o blog as receitas e seu jeito de escrever!

Anônimo disse...

Duas escritoras que eu adoro ;-) não vejo a hora de ler o seu livro! Quanto à galette, estou pensando em fazer uma versão vegana. Dou notícias! Beijos, querida!

Neblina Orrico disse...

Nossa, vou fazer: ficou com uma cara apetitosa! Quero o livro!!! :)

.