terça-feira, julho 20, 2021

Brownies triplos com farinha integral e o cansaço estampado na cara

Brownies triplos com farinha integral


Tenho me sentido muito cansada de algumas semanas para cá, e a exaustão está estampada em meu rosto – levanto da cama, me olho no espelho e penso: “hoje não vai ter maquiagem que dê jeito nestes olhos fundos”.

Viver no Brasil atualmente drena as minhas energias, me deixa deprimida, rouba o meu sono no meio da madrugada. Há vezes em que custo acreditar que chegamos a este ponto, me pergunto que fundo de poço é esse que tem alçapão, gente? Como é possível termos esta fama de povo acolhedor e simpático pelo mundo, sendo que muitos (muitos) de nós são esses seres podres por dentro, cheios de preconceitos e desprezo pela vida alheia – o perfeito reflexo daquela desgraça que ocupa o Palácio do Planalto.

Desculpem-me pelo texto amargo – sinto uma raiva e uma revolta tão grandes, sentimentos ruins que até pouco tempo da minha vida eu não sabia que pudessem ser tão fortes e tão destruidores. Sinto tristeza por ter tanto ódio dentro de mim.

Por mais que eu geralmente tenha uma alimentação regrada no dia-a-dia e tente (atenção para o verbo tentar) não me recompensar com comida tenho minhas recaídas, e tempos atrás resolvi fazer uns brownies, pois estava me sentindo muito pra baixo: chamemos de injeção de ânimo em forma de chocolate. 

Usei um pouco de farinha integral, juntei pedacinhos de chocolate ao leite e branco à massa e fiz uma receita menor, para que os brownies não ficassem tão altos ao serem assados em uma forma quadrada de 20cm.

Os brownies ficaram deliciosos, com um sabor intenso de chocolate e uma textura úmida, do jeito que gosto. Por isso, fotografei os brownies e divido com vocês hoje a receita – talvez vocês também estejam precisando de uma injeção de ânimo...

 

Brownies triplos com farinha integral

receita minha

 

- xícara medidora de 240ml

 

100g de chocolate amargo picadinho – usei um com 70% de cacau

½ xícara (113g) de manteiga sem sal

½ xícara (100g) de açúcar cristal ou refinado

3 colheres (sopa) de açúcar mascavo claro – aperte-o na colher na hora de medir

1 colher (chá) de extrato de baunilha

2 ovos grandes, temperatura ambiente

1/3 xícara (46g) de farinha de trigo comum

3 colheres (sopa) – 30g – de farinha de trigo integral

¼ colher (chá) de sal

50g de chocolate ao leite picado

50g de chocolate branco picado

 

Preaqueça o forno a 180°C. Unte levemente com manteiga uma forma de metal quadrada de 20cm, forre-a com papel alumínio deixando sobras em dois lados opostos e unte o papel também.

Em uma tigela refratária grande, junte o chocolate amargo e a manteiga e leve ao banho-maria (em fogo baixo, sem deixar o fundo da tigela tocar a água) até que os ingredientes derretam. Retire do fogo, acrescente os açúcares e a baunilha e misture bem com um batedor de arame. Deixe esfriar, e então junte os ovos, um a um, e misture bem com o batedor.

Adicione a farinha de trigo, a farinha integral e o sal e incorpore-os usando uma espátula de silicone, misturando até obter uma massa homogênea. Incorpore o chocolate ao leite e o chocolate branco. Espalhe na forma preparada e alise a superfície.

Asse por 18-20 minutos ou até que um palito inserido no centro do brownie saia com migalhas úmidas. Deixe esfriar completamente na forma sobre uma gradinha.

Corte em quadradinhos para servir.

Rend.: 16 unidades

3 comentários:

Eloisa Vidal Rosas disse...

Ownnn... também me sinto assim às vezes mas... vai passar! Às custas de muito retrocesso, não podemos perder a esperança... pelos meus netos, pelo Pingo...😘🌈🌞

Renata Lima disse...

Querida,
sábado na terapia falei com a psicóloga sobre essa exaustão, sobre esse momento de cansaço extremo, que parece que ao chegar talvez, quem sabe, uma luz no fim do túnel, vacinas e volta a algum nível de "normal", meu corpo, mente e espírito estão dando os sinais de que "chega!!".
E na verdade a luz no fim do túnel bem que pode ser o trem, ainda mais com esse governo lixo.
Obrigada pela injeção de ânimo.
Muito bem vinda, e vai se somar à injeção de astrazeneca, aquela que antes de te imunizar, te humilha.
Vacina para todos já, VIVA O SUS e fora demonio do cercadinho.

Sara Otoni disse...

Nada como ânimo em forma de chocolate!
Parecem deliciosos como tudo que faz. Eu entro aqui sempre com a certeza de que vou achar uma receita e ainda ler uma boa reflexão.

Sei que tá difícil e imagino que em SP pior ainda, mas apesar das notícias e dessa corrupção generalizada, os bons são maioria! A maldade impacta mais, é mais visível. Uma pessoa má faz mal a muitos facilmente. A bondade as vezes atinge só um.

Desejo que a bondade seja mais visível e possamos ter esperança. Fique bem!

De uma outra pessoa boa.

.