quarta-feira, fevereiro 09, 2022

Um assunto importante para mim e a opinião de vocês


Minhas queridas e meus queridos, hoje quero conversar com vocês sobre um assunto importante para mim: a história do meu livro.

No meu desabafo de 17 de dezembro, contei para vocês que havia passado muitos meses (pouco mais de um ano) cozinhando, fotografando e escrevendo um livro. Tudo foi feito com bastante carinho, mas em passos de formiguinha, porque eu só tinha tempo de trabalhar no projeto à noite, aos finais de semana e em feriados, por causa do meu trabalho em tempo integral. Depois dos meses difíceis que tive no final do ano passado e começo deste, estou me sentindo melhor (graças à mudança no tratamento para depressão) e, ao ler um pouco do que eu tinha escrito, me deu muita vontade de retomar o projeto e terminá-lo (falta pouco).

Não sei ainda se conseguirei publicar o livro com alguma editora (se alguém tiver algum contato, eu agradeço muito!) ou se terei de fazer algo independente. Como o danado ficou imenso (cheio de fotos!), temo que impresso ficaria caro, portanto estou considerando publicar a versão digital apenas, caso seja mais acessível. Só que isso me fez pensar que talvez não haja tanta procura e/aceitação: sei que muita gente se converteu a livros digitais, especialmente durante a pandemia, porque vejo os elogios ao Kindle nas redes sociais. Entretanto, as pessoas se referem a romances, livros de contos: livros de texto apenas. Não sei como as pessoas se sentem com livros de receita digitais. O meu livro não é propriamente um livro de receitas, e sim um livro de memórias com receitas, com fotos em todas elas (e outras fotos mais).

Por isso, escrevo hoje por aqui para perguntar o que vocês acham sobre o assunto: seria incrível poder contar com a opinião de quem me acompanha, lê o blog e faz as minhas receitas. Quem preferir me mandar um e-mail em vez de comentar aqui, também vou adorar: patricia (ponto) scarpin@gmail.com

Deixo o meu obrigada pela ajuda preciosa e um grande beijo. x

22 comentários:

camilajanaina disse...

Sou doida por livros impressos, mas com toda certeza ficaria feliz com uma versão digital do seu livro, adoro o blog e te acompanho no instagram, o conteúdo é incrível, tenho certeza!

Maraisa disse...

Pat! Acho que eu tenho preferência pelo impresso. Gosto de manusear os livros de receitas, tenho prazer nisso. Massss em se tratando de seu, eu compraria de qq maneira! Beijo grande!
Maraisa.

Aline Martins disse...

Sabe Patricia, eu nunca comentei aqui e acho que uma vez não fui tão tímida e consegui falar com você no twitter hahahaha mas muito do meu amor por comida e por cozinhar veio do seu blog, eu me lembro de ler ele bem novinha com uns 12 ou 13 anos (há 15 anos atrás), eu nem cozinhava mas amava ler tudo que você postava e quando eu comecei a cozinhar de fato, na pandemia, você e seu blog foram as primeiras coisas que me vieram a cabeça. Fiz muitas das suas receitas, minha família amou todas! Eu adoraria ter um livro seu em papel, pra guardar pra sempre e passar adiante caso eu tenha filhos e tudo mais, mas ficaria mais do que contente em comprar a versão digital caso seja mais viável pra você, ainda assim ficaria muito feliz de ter algo tão especial e no qual você se esforçou tanto, é uma honra pra mim, você merece todo prestígio do mundo. Um beijo grande.

Mariana disse...

Na minha opinião, livros com muitas fotos funcionam melhor em formato físico. Em e-book as imagens perdem muita qualidade. E suas fotos são sempre tão lindas, merecem estar em cores e com qualidade/definição.

Tati Marques disse...

Oi Pat querida, eu comprei alguns e-books de receitas que acesso pelo iPad ou telefone portanto as imagens sempre estão lindas e coloridas e os livros com diagramações cuidadosas. e-book para Kindle é outro formato e nunca compro os de receitas justamente pq gosto de ver a beleza gráfica, o legal dos e-book é que você consegue viabilizar com um custo muito menor e um retorno financeiro bacana pra você. Tem também a opção de criar um financiamento coletivo para viabilizar ele impresso, a única coisa que posso garantir é que comprarei um exemplar em qualquer versão <3

Anabela de Assunção disse...

que venha o livro, adoro livros que falam de receitas e de memórias, quando o tiver pronto e em lançamento avise...
Bjinhos

Mari Verdun disse...

Ai que notícia maravilhosa! Meu sonho de princesa é ter um livro seu. Óbvio que adoraria ter a versão impressa - ocuparia lugar de prestígio na minha mesa de centro. Mas eu topo qualquer coisa que vc fizer e super compraria a versão digital. Eu sou bem adepta do Kindle, apesar de nunca ter comprado nenhum livro focado em fotos pra ele pq… preto e branco. Mas de novo: topo qualquer coisa. Se tiver algum outro formato que seja colorido, seria melhor. Esses dias meu marido fez um bolo de coco daqui, que tinha muitos anos que eu tinha feito. Ficou incrível, como sempre. Ele me perguntou “quanto vc pagaria pelo livro da Technicolor?” e minha resposta foi “muitos e muitos euros”. Hahaha Enfim, considerando que aprendi a cozinhar aqui e hoje trabalho num 3 estrelas em Paris, acho que te devo bastante hahahaha Beijos Pati! To muito feliz que vc conseguiu ajustar o tratamento e tá se sentindo melhor!

karla dani disse...

Compraria o virtual sim,pat

Luciane Breno Klinke disse...

Olá. Admiro sua página e seu blog. Já peguei várias receitas por aqui. Uso cadernos e livros muito raramente. Praticamente só acesso receitas pelo celular. Com certeza eu compraria seu livro em versão digital. Já comprei alguns. Espero ter ajudado. Será um sucesso ! Espero que você esteja melhor.

Ana Quirino disse...

Patrícia, acompanho seu blog há mais de uma década. Receitas maravilhosas, daquelas que nos fazem querer ir para a cozinha, mas o que me faz voltar são sobretudo suas memórias, além dos comentários sobre os filmes, claro... Seria ótimo ter seu livro, seja na versão digital ou em papel. Espero e torço que sejam as duas!! Abraços.

Bárbara Coelho disse...

Não sou de comprar livros impressos e nem moro no Brasil atualmente, mas daria um jeito de comprar o seu (caso você o publicasse), pois confio de ollhos fechados nas suas receitas. Sempre indico seu site por ser fonte de receitas que sempre dão certo (nunca fiz uma receita sua que desse errado, o que não posso dizer da maioria das outras fontes de receitas, mesmo de chefs famosos). Enfim, super apoio.

Silvia Bittencourt disse...

Oi Patricia, amo livros de receitas com memórias. Prefiro os livros impressos pois confesso, adoro cheiro de livro!!! Mas se for possível somente o digital, sem problema, vou gostar muito também. O importante é vc conseguir publicá-lo, pois tenho certeza que irá ajudá-la em seu processo de cura. beijo grande e fique bem :)

Celeste disse...

Você nem inventa porque estou esperando este livro há SÉCULOS, dona Paty!!! Impresso (adoro cheiro de livro <3).

Thaís disse...

Pat,

como sugestão, acho que você poderia começar com o lançamento em ebook e se houver espaço para isso, partir para uma edição impressa...

Eu certamente compraria o virtual, e se gostasse muito, adquiriria o livro impresso depois :)

Por ser um trabalho seu, que leio há tantos anos e já me rendeu tantas receitinhas, eu compraria de qualquer jeito. Adoro livros que mesclam memórias, fotos bonitas de comida, e tenho 100% de certeza que o seu vai entregar tudo isso.

Fico muito feliz de saber que você se sente melhor <3

Patricia Scarpin disse...

Mulheres maravilhosas que me acompanham, MUITO OBRIGADA pelos comentários queridos e cheios de afeto! Feliz demais lendo o que vocês tem a me dizer.

Quero muito tentar lançar o livro impresso, e quando tiver mais novidades volto para contar.

Um beijo enorme!

Nicolle disse...

Admito que livros de receita só compro impressos (e compro muitos, adoro!), mas o seu compraria digital também! Só não deixe de publicar, adoro suas receitas! Bjs!

Liu disse...

Acabei de tirar do forno aquele seu bolo coringa do ano passado que dá pra fazer mil adaptações. Foi meu bolo do lockdown e hoje fiz ele em versão formigueiro de côco.
Eu leio por trabalho (sou pesquisadora) e por isso tenho uns critérios sobre que tipo de livros leio digital ou impresso. O critério número um é imagem. Não sei outros dispositivos de leitura, mas não consigo curtir livro digital com imagens. Por isso, na minha humilde opinião, livro de receita tem que ser físico. Você marca, olha a foto, vai cozinhando e o livro fica todo manchado dos ingredientes, contando mais uma história de como aquela receita é preferida (porque a página tá bem suja), ou dos comentários a lápis com as adaptações... Livro de receita eu prefiro impresso!

Unknown disse...

Oi Pati, tudo bem?
Eu sou sua fã, adoro suas receitas. Acesso o site há mais de 10 anos, nem sei desde quando. Eu amo livros impressos, os que comprei digitais, eu imprimi. Então, não sei se ajudei. Mas a minha opinião é que o impresso é bem mais legal. Boa sorte com a publicação. Bjs.

Bel Lüscher disse...

Meu bem, eu ia AMAR ter um livro seu impresso! Quase não tenho livros impressos mais depois da mudança e tendo memórias e receitas E muitas fotos acho que faz toda diferença ser um livro físico. Talvez um croudfunding faça sentido? Vou ficar em colaborar e mais ainda em ter uma obra sua!!!

Elisa disse...

Oi! Acompanho seu blog há muitos anos e adoro, mas acho que nunca comentei. Eu prefiro o livro impresso também. Sucesso!

Andréa disse...

Oi! Faz tempo conheci seu blog e suas receitas. Acho que em 2008. A receita que mais faço é a do Brownie Triplo! Livros físicos eu compro somente os de histórias, romances. Já os com receitas sou mais fã dos virtuais. Grande beijo, sucesso e paz!

Irene Cunha disse...

Pat, acompanho desde muito tempo as suas histórias inspiradoras e as suas receitas maravilhosas, sempre muito ao meu gosto.
Seu blog levou-me a conhecer vários outros, apreciados por você, tal é minha identificação com suas preferências na gastronomia.
Sempre é muito prazeroso ler seus textos e saber como veio a inspiração para esse ou aquele prato, assim como saber que todos temos dias difíceis em que queremos distância da cozinha e seu aparato, da decisão de qual será o cardápio do dia. Aliás, também nesse quesito, seu blog é de grande serventia. Quando não sei como aproveitar o que tenho, venho buscar ajuda por aqui,
Gostarei imensamente de comprar seu livro, qualquer que seja o formato. Além de ser uma compra útil, será também uma maneira de dizer muito obrigada por sua grande generosidade em compartilhar seu talento, suas boas ideias e suas histórias de vida.
Desejo-lhe o merecido sucesso, nesse e em outros empreendimentos que venha abraçar.
Beijos
Irene Cunha

.